quinta-feira, 15 de junho de 2017

“TEM UNS QUE VIRAM JESUS”











Comecemos nosso discorrimento pela letra de “Brejo da Cruz”, de Chico Buarque,  onde ele nos faz textualmente  a seguinte afirmação:  " ... tem uns que viram Jesus... ".


Brejo da Cruz
Chico Buarque

A novidade /Que tem no Brejo da Cruz /É a criançada /Se alimentar de luz / Alucinados / Meninos ficando azuis / E desencarnando /Lá no Brejo da Cruz /Eletrizados /Cruzam os céus do Brasil / Na rodoviária /Assumem formas mil / Uns vendem fumo / Tem uns que viram Jesus /Muito sanfoneiro /Cego tocando blues /Uns têm saudade /E dançam maracatus / Uns atiram pedra /Outros passeiam nus / Mas há milhões desses seres /Que se disfarçam tão bem /Que ninguém pergunta / De onde essa gente vem /São jardineiros/ Guardas noturnos, casais /São passageiros /Bombeiros e babás /Já nem se lembram /Que existe um Brejo da Cruz /Que eram crianças /E que comiam luz /São faxineiros /Balançam nas construções /São bilheteiras /Baleiros e garçons /Já nem se lembram /Que existe um Brejo da Cruz /Que eram crianças /E que comiam luz




Pode-se naturalmente imaginar que o termo “viram” ( de “viram Jesus” , na letra “Brejo da Cruz” ) tem o sentido de ‘tornam-se’, referindo-se então a certas pessoas que em seus processos existenciais se investem de alguma aura messiânica; no caso, aqui, Jesus.
Essa interpretação é até mesmo muito provável, porém, quando passamos a interpretar mensagens outras, em outras letras, vemos reiteradas a firmação do Chico em sua letra, pois algumas letras afirmam em si a visão que tiveram de Jesus. Na música ” Fanatismo”, em que Fagner musicou o poema de Florbela Espanca, a mensagem fala diretamente a Jesus pela visão que dele teve. Podemos facilmente perceber que se está a falar de Jesus por certos termos como : “Tudo no mundo é frágil, tudo passa...”( palavra de Jesus )  e “...misterioso livro do teu ser... “ ( a Bíblia ), A visão de Jesus aqui é fortemente sentenciada:

Fanatismo
Fagner

Minh' alma, de sonhar-te, anda perdida /Meus olhos andam cegos de te ver /Não és sequer a razão do meu viver /pois que tu és já toda minha vida / Não vejo nada assim enlouquecida... /Passo no mundo, meu amor, a ler /No misterioso livro do teu ser /A mesma história, tantas vezes lida! /“Tudo no mundo é frágil, tudo passa...” /Quando me dizem isto, toda a graça Duma boca divina, fala em mim! /E, olhos postos em ti, digo de rastros: /“Ah! podem voar mundos, morrer astros, /Que tu és como um deus: princípio e fim!... /Eu já te falei de tudo, mas tudo isso é pouco, / diante do que sinto.

Aqui você tem o poema declamado pela própria autora : ( Quando ela diz "não vejo nada assim enlouquecida " , ela simplesmente afirma que não está louca, no que vê. )



Seguiremos então na análise de mensagens de letras musicais onde de uma forma ou de outra evidenciam o fenômeno.
A letra de “Quando Te Vi”,  de Beto Guedes também nos parece nos confirmar a visão:

Quando Te Vi (Till There Was You )
Beto Guedes

Nem o sol / Nem o mar / Nem o brilho /Das estrelas /Tudo isso /Não tem valor /Sem ter você... //Sem você / Nem o som / Da mais linda /Melodia /Nem os versos /Dessa /canção / Irão valer... //Nem o perfume /De todas as rosas /É igual à doce presença /Do seu amor... /O amor estava aqui /Mas eu nunca saberia /Do que um dia se revelou / Quando te vi... /Nem o perfume /De todas as rosas /É igual /À doce presença /Do seu amor... / O amor estava aqui /Mas eu nunca saberia /Do que um dia se revelou /Quando te vi...


Muito clara a evidência da aparição de Jesus em sorriso na letra seguinte:

Luz e Mistério
Beto Guedes

Oh! Meu grande bem/Pudesse eu ver a estrada/Pudesse eu ter/A rota certa que levasse até/Dentro de ti/Oh! meu grande bem/Só vejo pistas falsas/É sempre assim/Cada picada aberta me tem mais/Fechado em mim//És um luar/Ao mesmo tempo luz e mistério/Como encontrar/A chave desse teu riso sério ? //Doçura de luz/Amargo e sombra escura/Procuro em vão/Banhar-me em ti/E poder decifrar teu coração//És um luar/Ao mesmo tempo luz e mistério/Como encontrar/A chave desse teu riso sério? //Oh grande mistério, meu bem, doce luz//Abrir as portas desse império teu e ser feliz

A fé que Roberto expressa em certas canções não é aquela fé ingênua, simplista, da boca pra fora, mas fundamentada numa certeza, certamente...Veja como Roberto se reporta ainda ao sorriso de jesus :

Jesus Salvador
Roberto Carlos

Hoje eu estou tão em paz comigo/Parece até que não faz sentido/O que eu tenho chorado/O que eu tenho sofrido./Hoje eu olhei o céu da minha janela/Vi no meu coração a presença tão bela/De Jesus sorrindo e dizendo pra mim./Vem, deposita em minhas mãos/Todos os seus problemas/Levante esse olhar, não chore, não tema/Não perca essa fé que você tem em mim/Quem vem a mim/Se alimenta do pão da vida/Quem segue os meus passos/Não sente as feridas/Tem a paz que eu dou/É feliz enfim./Senhor perdoai meus pecados/Me aceita a seu lado
Me deixa tocar o seu manto sagrado/E a graça que eu peço/Terei na sua luz./Senhor, quem sou/eu pra que entreis/Em minha morada?/Mas um fio de sua luz/Numa telha quebrada/Ilumina uma vida pra sempre, Jesus//Jesus Salvador, Jesus Salvador/Jesus Salvador, Jesus Salvador//Senhor, consolai os que choram/Curai os que sofrem/Nas ruas, nos guetos/Nos becos escuros/Na chuva, no frio, sem teto e sem pão./Piedade daqueles que pensam/Que a felicidade é a riqueza, o poder/Ser feliz na verdade/É quem tem Jesus dentro do coração./Jesus Salvador, Jesus Salvador

A música de Roberto Carlos que segue abaixo é uma das que em sua letra aludem ao sorriso de Jesus.

Na Paz do Seu Sorriso
Roberto Carlos

Na paz do seu sorriso /Meus sonhos realizo /E te beijo feliz /E na ânsia mais louca
No céu da sua boca /No alto as estrelas me dizem /Meu bem /Que a vida é isso /Que eu vivo por isso /Que você me dá, me dá /Na paz do seu sorriso / Meus sonhos realizo /E te beijo feliz /E a beleza é nada /Se for comparada /Com tudo que eu vejo em você /Meu bem /O amor é perfeito /Me amarro no jeito /Que você me dá, me dá /Tudo isso que você meu bem me dá /Tudo isso que você meu bem me dá /E nós dois num abraço /Rolamos no espaço
Me perco no amor com você /Meu bem /E perco o juízo /Pois o paraíso /É o que você me dá, me dá / Tudo isso que você meu bem me dá /Tudo isso que você meu bem me dá


Há referência a Jesus nestas letras e em muitas outras. Não é o caso aqui de se determinar que tal visão seja fantasiosa, metafórica. Num estado de alucinação se pode ver o que for : Jesus, disco voador, etc. Porém não é de se crer que possa a alucinação em pessoas diferentes fazerem ter a mesma visão. Ressaltemos aqui frase musical do Raul quando canta “Sonho que se sonha só, é só um sonho que se sonha só, mas sonho que se sonha junto é realidade.”
Bom , de posse agora dessa informação da visão de Jesus e relatos dessa visão em determinadas letras, ficamos tentados a reconsiderar a interpretação de determinadas letras, que a princípio pareciam dirigidas a uma mulher; a mulher por quem o artista se apaixonou; a sua musa ; ou alguma outra. Porém, considerando-se o fato da aparição de Jesus,  ficamos tentados a mudar o foco de certas letras para essa outra perspectiva, bem mais provável. Consideremos a letra de “Todo Azul do Mar” sob essa nova perspectiva e veja que a forma de exaltação do objeto da mensagem é algo um tanto divinizada:


Todo Azul do Mar
Roupa Nova

Foi assim como ver o mar /A primeira vez que meus olhos /Se viram no seu olhar /Não tive a intenção /De me apaixonar /Mera distração /E já era o momento de se gostar /Quando eu dei por mim /Nem tentei fugir /Do visgo que me prendeu /Dentro do seu olhar /Quando eu mergulhei /No azul do mar /Sabia que era amor /E vinha pra ficar /Daria pra pintar todo azul do céu / Dava pra encher o universo da vida /Que eu quis pra mim /Tudo que eu fiz /Foi me confessar /Escravo do teu amor, /Livre para amar /Quando eu mergulhei /Fundo nesse olhar
Fui dono do mar azul / De todo azul do mar /Foi assim como ver o mar /Foi a primeira vez que eu vi o mar /Onda azul, todo azul do mar /Daria pra beber todo azul do mar
Foi quando eu mergulhei no azul do mar


Veja também como a letra de “Você” ganha uma outra dimensão também sob essa nova perspectiva:

Você
Tim Maia


De repente a dor / De esperar terminou /E o amor veio enfim //Eu que sempre sonhei /Mas não acreditei /Muito em mim /Vi o tempo passar /O inverno chegar /Outra vez mas desta vez
/Todo pranto sumiu /Um encanto surgiu /Meu amor //Você /É mais do que sei /É mais que pensei /É mais que esperava, baby /Você /É algo assim /É tudo pra mim /É como eu sonhava, baby /Sou feliz agora /Não não vá embora não /Não não não não não /Não não vá embora /Não não vá embora /Não não vá embora /Não não vá embora /Vou morrer de saudade /Vou morrer de saudade /Vou morrer de saudade /Não vá embora /Não vá embora
Não vá embora /Vou morrer de saudade /Vou morrer de saudade /Não vá embora /Não vá não vá/Vou morrer de saudade /Vou morrer de saudade



Na letra de “Sem Cais” também se revela em seus detalhes alguém muito especial. E se entenda “parar o mar” como  fazer a tranquilidade e serenidade numa vida em agitação, como o mar. Podemos concluir que a aparição de Jesus numa vida em atribulações advindas do mundo traz leva tranquilidade, paz ; aí o sentido de “...parar o mar... “;  e “seu sorriso bateu aqui,/ inda posso me apaixonar” tem tudo a haver com o que se propõe aqui evidenciar:

Sem Cais
Caetano Veloso

Catei colo/E o mar parou/Fui deitando/Pra perguntar/Nome, bairro/Amigo, amor/De onde vem/Parar o mar//Seu sorriso/Bateu aqui/Inda posso/Me apaixonar//Quero tanto/Quero tanto Quero tanto/Quero tanto você/Mar aberto/Mar adentro/Mar imenso/Mar intenso/Sem cais/Tô com medo/Tô com medo/Tô com medo/Tô com medo de ver/ Que inda posso/Que inda posso/Que inda posso Ir bem mais//Barra, Gávea/E Arpoador/Deuses brancos/De luz do mar/Deuses negros/Um esplendor/Quem é essa/E o que será/Quem me dera/Eu poder me dar/Todo a essa/Que eu nunca vi/Quero tanto/Quero tanto/Quero tanto/Quero tanto você/Mar aberto/Mar adentro sem cais// Tô com medo/Tô com medo/Tô com medo/Tô com medo de ver/ Que inda posso/Que inda posso/Que inda posso Ir bem mais


Dentro da perspectiva de que estamos tratando, também essa letra carrega toda suspeição de se estar tratando da aparição. O riso de Jesus deve insuflar a alma do objeto da aparição de uma alegria genuína; e o efeito que se consegue com “...ponha um sorriso na minha cara... “ é duplo, pois refere-se tanto ao sorriso que Jesus mostra em si na cara de para quem aparece quanto ao mesmo tempo se refere ao sorriso fácil que a pessoa ganha com essa aparição que se lhe faz:

Sorte
Caetano Veloso

Tudo de bom que você me fizer/Faz minha rima ficar mais rara/O que você faz me ajuda a cantar
Põe um sorriso na minha cara.../Meu amor, você me dá sorte/Meu amor!/Você me dá sorte meu amor!/Você me dá sorte/Na vida!...//Quando te vejo não saio do tom/Mas meu desejo já se repara/Me dá um beijo com tudo de bom/E acende a noite na Guanabara.../Meu amor, você me dá sorte/Meu amor!/Você me dá sorte meu amor!/Você me dá sorte/De cara!.../Tudo de bom que você me fizer/Faz minha rima ficar mais rara/O que você faz me ajuda a cantar/Põe um sorriso na minha cara.../Meu amor!/Você me dá sorte meu amor!/Você me dá sorte meu amor!
Você me dá sorte na vida!.../Quando te vejo não saio do tom/Mas meu desejo já se repara/Me dá um beijo com tudo de bom/E acende a noite na Guanabara.../Meu amor!/Você me dá sorte meu amor!/Você me dá sorte meu amor!/Você me dá sorte/De cara! (Na vida!).../Meu amor!/Você me dá sorte meu amor!/Você me dá sorte meu amor!/Você me dá sorte
Na vida!.../De cara! Na vida!.../Meu amor!/Você me dá sorte meu amor!/Você me dá sorte meu amor!/Você me dá sorte/Na vida! (De cara!)...

Atente agora para a letra da música “Tá Combinado”.  Veja como se fala do amor a partir de certa altura dela. Afinal Caetano está falando do que ? Ou melhor, de quem ?
( Note-se que essa música o Caetano fez pro Peninha, logo após ter dele gravado "Sonhos".  ( "Tudo era apenas uma brincadeira... " , diz Peninha na sua letra. ) É desta letra que Caetano começa falando:

Tá Combinado
Maria Bethânia

Então tá combinado, é quase nada/É tudo somente sexo e amizade./Não tem nenhum engano nem mistério./É tudo só brincadeira e verdade./Podemos ver o mundo juntos,/Sermos dois e sermos muitos,/Nos sabermos sós sem estarmos sós./Abrirmos a cabeça/Para que afinal/floresça/O mais que humano em nós.//Então tá tudo dito e é tão bonito/E eu acredito num claro futuro/de música, ternura e aventura//Pro equilibrista em cima do muro.//Mas e se o amor pra nós chegar,//De nós, de algum lugar/Com todo o seu tenebroso esplendor?/Mas e se o amor já está,/se há muito tempo que chegou/E só nos enganou?//Então não fale nada, apague a estrada//Que seu caminhar já desenhou//Porque toda razão, toda palavra//Vale nada quando chega o amor...

A letra a seguir se enquadra perfeitamente no fato evidenciado aqui. E veja como um fato tão grandioso pode ser sintetizado em poucos versos. A aparição se dá num momento de extremo sofrimento, e o sorriso deve ser um recurso de transmitir felicidade à alma sofredora nesta mágica aparição. D'aí possivelmente a alegria genuína de tais artistas.

Como Se Fosse a Primavera
Chico Buarque

De que calada maneira você chega assim sorrindo/Como se fosse a primavera e eu morrendo/E de que modo sutil me derramou na camisa/Todas as flores de abril//Quem lhe disse que eu era/Riso sempre e nunca pranto?/Como se fosse a primavera/Não sou tanto/No entanto, que espiritual você me dar uma rosa/De seu rosal principal//De que calada maneira você chega assim sorrindo/Como se fosse a primavera/e eu morrendo/e eu morrendo

Veja como o Tom Jobim nos fala em “Corcovado” :  “... e eu que era triste, descrente desse mundo, ao encontrar você eu conheci o que é felicidade meu amor...” Essa ideia na letra se relaciona de modo sub-reptício a Jesus, representado desde a alusão que faz ao “Corcovado”, ao “Redentor”; diz mais: “ quero a vida sempre assim ; com você perto de mim” :


Corcovado
Tom Jobim

Um cantinho e um violão/Este amor, uma canção/Pra fazer feliz a quem se ama/Muita calma pra pensar/E ter tempo pra sonhar/Da janela vê-se o Corcovado/O Redentor, que lindo/Quero a vida sempre assim com você perto de mim/Até o apagar da velha chama/E eu que era triste
Descrente deste mundo/Ao encontrar você eu conheci/O que é felicidade meu amor/O que é felicidade, o que é felicidade

De um artista que canta a presença pessoal de Jesus em sua vida é de se fazer então suspeito de que algumas letras outras suas se reporte a Jesus então. Atente para essa passagem: “ É, /você que é feito de azul,/Me deixa morar nesse azul,/Me deixa encontrar minha paz... “


Só Tinha De Ser Com Você
Elis Regina

É,/Só eu sei/Quanto amor/Eu guardei/Sem saber/Que era só/Pra você.//É, só tinha de ser com você,/Havia de ser pra você,/Senão era mais uma dor,/Senão não seria o amor,/Aquele que a gente não vê,/O amor que chegou para dar/O que ninguém deu pra você.//É,/ você que é feito de azul,/Me deixa morar nesse azul,/Me deixa encontrar minha paz,/Você que é bonito demais,/Se ao menos pudesse saber/Que eu sempre fui só de você,/Você sempre foi só de mim.//É, /você que é feito de azul,/Me deixa morar nesse azul,/Me deixa encontrar minha paz,/Você que é bonito demais,/Se ao menos pudesse saber/Que eu sempre fui só de você,/Você sempre foi só de mim

também com Fernanda Porto


O Tom Jobim é um artista como dos tais afirmados aqui. Esta sua letra ilustra de fato todo um contexto que parece envolver “uns que viram Jesus” ;  perceba:

Amor em Paz
Tom Jobim

Eu amei/Eu amei, ai de mim, muito mais/Do que devia amar/E chorei/Ao sentir que iria sofrer/E me desesperar//Foi então/Que da minha infinita tristeza/Aconteceu você/ Encontrei em você a razão de viver/E de amar em paz/E não sofrer mais/Nunca mais/Porque o amor é a coisa mais triste/ Quando se desfaz


No contexto do que aqui explanamos é simples perceber certas sutilezas, como nesta letra de Tom Jobim: “... a própria dor revelou o caminho do amor e a tristeza acabou... “.  Que amor, revelado seu caminho pela dor, pode acabar assim a tristeza ?


Meditação
Tom Jobim

Quem acreditou/No amor, no sorriso, na flor/Então sonhou, sonhou.../E perdeu a paz/O amor, o sorriso e a flor/Se transformam depressa demais//Quem, no coração/Abrigou a tristeza de ver tudo isto se perder/E, na solidão/Procurou um caminho e seguiu,/Já descrente de um dia feliz//Quem chorou, chorou/E tanto que seu pranto já secou//Quem depois voltou/Ao amor, ao sorriso e à flor/Então tudo encontrou/Pois a própria dor/Revelou o caminho do amor/E a tristeza acabou


Dentro do contexto de nossa análise aqui, não fica difícil de imaginar a quem se refere Tim Maia como "luz azul" que o guia.

O Descobridor dos Sete Mares
Tim Maia

Uma luz azul me guia/Com a firmeza e os lampejos do farol/E os recifes lá de cima/Me avisam/dos perigos de chegar/Angra dos Reis e Ipanema/Iracema, Itamaracá/Porto Seguro, São Vicente/Braços abertos sempre a esperar/Pois bem, cheguei/Quero ficar bem à vontade/Na verdade eu sou assim/Descobridor dos sete mares/Navegar eu quero/Uma lua me ilumina/Com a clareza e o brilho do cristal/Transando as cores dessa vida/Vou colorindo a alegria de chegar/Boa Viagem, Ubatuba/Grumari, Leme e Guarujá/Praia Vermelha, Ilhabela/Braços abertos sempre a esperar//Pois bem, cheguei/Quero ficar bem à vontade/Na verdade eu sou assim/Descobridor dos sete mares/Navegar eu quero sim

Aqui, com Lulu Santos:


Muito significativa dentro desta projeção é letra da música “ Enquanto Engomo a Calça”.  Faz referência a alguém muito especial, capaz de ‘lhe olhar o coração’. De quem será que se trata ? Essa letra bem se encaixa dentro dessa nossa perspectiva de visão:

Enquanto Engomo a Calça
Ednardo

Arrepare não /Pois enquanto engomo a calça eu vou lhe cantar /Uma história bem curtinha fácil de contar /Porque cantar parece com não morrer /É igual a não se esquecer/Que a vida é que tem razão /Porque cantar parece com não morrer /É igual a não se esquecer /Que a vida é que tem razão /Esse voar maneiro foi ninguém que me ensinou/Não foi passarinho /Foi olhar do meu amor /Me arrepiou todinho quando olhou meu coração/Ai, mas como é triste /Essa nossa vida de artista /Depois de perder Vilma pra São Paulo/Perdi Maria Helena pro dentista



A letra de “Raio de Luz” também nos parece falar de alguém sublime demais para ser um alguém comum; fala de alguém capaz de ‘iluminar o olhar’ ; alguém de ‘olhos raios de luz’. Quem seria ?

Raio De Luz
Simone

Você chegou, /e iluminou o meu olhar, /Teus olhos nus /raios de luz /no azul do mar/Meu coração, /que sempre quis /acreditar, /Bateu feliz,/foi só você chegar //Sei que a paixão, apaga o chão,/ rareia o ar /ser e não ser, /Negar querer, /fugir ficar /Mas não fui eu /quem quis assim, /aconteceu /você pra mim /E eu não vou /negar o que /O acaso quis pra nós//
A chama desse /amor me faz/ sorrir cantar, /te quero mais /Te chamo só /pra repetir, /te amo


Cada artista pode ter a sua própria interpretação do acontecimento e a ele se reportar de acordo com o seu estilo. Metáforas são criadas, são usadas. Sabendo do que aqui se procura expor não é difícil de imaginar a quem é direcionada esta mensagem:

Você é Real
Simone

Nossa história começou/ de maneira original/Você leu meu coração /e me fez cantar/Me leva em teu delírio,/ no teu sonho impossível/Que eu já ouço teu desejo em milhões de canais//Você sabe quem eu sou /quando estou sentimental/Quando beijo tua flor /nem me lembro mais/Dos sonhos, dos terríveis, /do metal, dos insensíveis/Das batalhas pelas estrelas e nem dos heróis//Ah! onde você for eu vou te procurar/Quando a saudade chega no lençol/O pensamento vai longe demais/Vem, chega pelo vento vem na minha voz//Eu não aguento ver você me olhar/Com esse jeito de quem me quer mais, quer mais...//Você sabe quem eu sou e eu já sei quem somos nós/Qualquer chama de amor queima nossa voz/Me leva o paraíso, tudo é vasto em teu sorriso/E eu já posso ter certeza: você é real




Na letra de “Ele sorriu Pra Mim” , Eli Soares  atesta com todas as letras esse fenômeno de que aqui tratamos:

Ele sorriu Pra Mim
Eli Soares

Pra quer ficar aí pensando em nada/Olhando para o alto sem entender/Que você está perdido nessa estrada/Sem saber aonde ir/E sem direção/Não quero falar demais/Eu só quero te/mostrar alguém/Me deu a mão me deu amor/E hoje sou feliz demais/Me lembro bem/De quando eu estava a chorar/Jesus veio e sorriu pra mim/Me disse que a vida era mais/Que/simplesmente viver/Então vou lhe dizer agora/Pra mim foi demais/E quando eu encontrei com Ele/A minha vida mudou,/Então vou te dizer amigo/Não fique assim não/Abre o seu coração/E deixa Jesus entrar


E quem mais seria o objeto da mensagem deUm Dia, Um Adeus” de  Guilherme Arantes ? 

Um Dia, Um Adeus
Guilherme Arantes

Só você/ pra dar a minha vida direção/O tom, a cor/Me fez voltar a ver/ a luz//Estrela no deserto a me guiar/Farol /no mar,/ da incerteza//Um dia um adeus/E eu indo embora/Quanta loucura/Por tão pouca aventura/Agora entendo/Que andei perdido/O que é que eu faço
Pra você me perdoar...//Ah! /que bom/ seria se eu pudesse te abraçar/Beijar, /sentir/Como a primeira vez/Te dar /o carinho que você merece ter/E eu sei te amar/Como ninguém mais//Ninguém mais/Como ninguém jamais te amou/Ninguém jamais te amou/Te amou/
Ninguém mais/Como ninguém jamais te amou/ninguém jamais te amou/Como eu,/ como eu

Falando em Guilherme Arantes,  
verefiquemos outras suas letras que falam para alguém muito especial:

Aconteceu Você
Guilherme Arantes

Aconteceu você/Tudo foi tão veloz/Nem deu tempo de ouvir a voz/Que dizia ao meu coração/Que não tem aflição maior /Do que estar perdido de amor/Dessa vez era pra valer//Desliguei o mundo/E mergulhei de cabeça/Só pra me perder com você// Aconteceu você/Doce raio de sol/Tomou conta do meu quintal/Trouxe as cores que eu nunca vi/Os sorrisos que eu nunca dei/Trouxe um frio na barriga/Que eu já nem sei//Desliguei o mundo/E mergulhei de cabeça/Só pra me perder com você...

Algumas letras possuem um caráter muito sublime... Sublime demais...

Certas mensagens encerram uma carga de devoção tão plena que chega às vias de uma veneração. Considerando a temática aqui tratada , e vindas de Guilherme Arantes, é muito fácil associá-las com um ser por demais especial, não é?



Êxtase
Guilherme Arantes

Eu nem sonhava te amar desse jeito/Hoje nasceu novo sol no meu peito/Quero acordar te sentindo ao meu lado/Viver o êxtase de ser amado//Espero que a música que eu canto agora/Possa expressar o meu súbito amor //Com sua ajuda tranquila e serena/Vou aprendendo que amar vale a pena/Que essa amizade é tão gratificante/ Que esse diálogo é muito importante/Espero que a música que eu canto agora/Possa expressar o meu súbito amor//Eu nem sonhava te amar desse jeito

Veja só : “... e saber que o amor existe é a coisa que me deixa mais feliz.” (Note-se que o título dessa música remete à lembrança de parte da frase da Oração Eucarística, que diz: “Por Cristo com Cristo e em Cristo... “ )

Por Você,  Com Você
Guilherme Arantes

Por você/Dei o melhor de mim o tempo todo/Com a garra e o tesão/de quem nunca se/arrependeria//Por você/Eu apostei tudo o que eu tinha/Nem olhei pra trás/Fiz questão/de só escutar/o que a emoção dizia//E como resistir/Se há algo muito especial/Quando é pra acontecer/o amor vem ao primeiro encontro//Você surgiu/no momento em que eu mais precisava/Sempre fui muito só/Não me abro com ninguém/mas com você não tem nenhum problema//Em você//Pude achar tudo o que eu quis//E saber que o amor existe/é a coisa que me deixa mais feliz.



Em “Se Fiquei Esperando Meu Amor Passar” há uma alusão direta a Jesus: “Cordeiro de Deus” ) e ao seu sorriso: "... e você sorriu pra mim / Cordeiro de Deus... " :

Se Fiquei Esperando Meu Amor Passar
Legião Urbana

Se fiquei esperando meu amor passar/Já me basta que então, /eu não sabia
Amar /e me via perdido e vivendo em erro/Sem querer/ me machucar de novo/Por culpa do amor/Mas você e eu/ podemos namorar./E era simples/ ficamos fortes/Quando se aprende a amar/O mundo passa a ser seu/Quando se aprende a amar/O mundo passa a ser seu//Sei rimar romã /com travesseiro/Quero a minha nação soberana/Com espaço, nobreza e descanso.//Se fiquei esperando meu amor passar/Já me basta que estava então /longe de sereno/E fiquei tanto tempo duvidando de mim/Por fazer amor fazer sentido./Começo a ficarlivre/Espero./Acho que sim/De olhos fechados não me vejo /e você/ sorriu/ pra mim//"Cordeiro de Deus/ que tirai /os pecados /do mundo,/Tende piedade de nós.//Cordeiro de Deus /que tirai/os pecados do mundo,/Tende piedade de nós./Cordeiro de Deus/ que tirai os pecados do mundo,/Dai-nos a paz."


E ainda falando na “ Legião Urbana” , vejamos mais de perto a letra de “Quase Sem Querer”.  “ Já não me preocupo/Se eu não sei por que/Às vezes o que eu vejo quase ninguém vê/E eu sei que você sabe quase sem querer/
Que eu vejo o mesmo que você”  ( aqui ele fala com outra pessoa que também teve a mesma visão ) ;. Tão correto e /tão bonito/O infinito é realmente/Um dos deuses mais lindos ( Aqui ele fala dessa infinitude que se confere em Jesus, assim )

Quase Sem Querer
Legião Urbana

Tenho andado distraído/Impaciente e indeciso/E ainda estou confuso/Só que agora é diferente/Estou tão tranquilo/E tão contente/Quantas chances desperdicei/Quando o que eu mais queria/Era provar pra todo o mundo/Que eu não precisava provar nada pra ninguém/Me fiz em mil pedaços/Pra você juntar/E queria sempre achar explicação pro que eu sentia/Como um anjo caído/Fiz questão de esquecer/Que mentir pra si mesmo é sempre a pior mentira/Mas não sou mais/Tão criança, oh! oh!/A ponto de saber tudo//Já não me preocupo/Se eu não sei por que/Às vezes o que eu vejo quase ninguém vê/E eu sei que você sabe quase sem querer/
Que eu vejo o mesmo que você/Tão correto e /tão bonito/O infinito é realmente/Um dos deuses mais lindos/Sei que às vezes uso/Palavras repetidas/Mas quais são as palavras/Que nunca são ditas?/Me disseram que você/Estava chorando/E foi então que eu percebi/Como lhe quero tanto//Já não me preocupo se eu não sei por que/Às vezes o que eu vejo/Quase ninguém vê/E eu sei que você sabe/Quase sem querer/Que eu quero/O mesmo que você/Oh! Oh! Oh! Oh!...

O que quer dizer “... mas então veremos face a face... “ ? Certamente se reporta à visão da aparição de Jesus, o qual é referido também como “O Amor”.

Monte Castelo
Legião Urbana

Ainda /que eu falasse a língua dos homens/E falasse a língua dos anjos,/Sem amor /eu nada seria//É só o amor! É só o amor/Que conhece o que é verdade/O amor é bom, /não quer o mal,/Não sente inveja ou se envaidece//O amor é o fogo que arde sem se ver;/É ferida que dói e não se sente;/É um contentamento descontente;/É dor que desatina sem doer.//Ainda que eu falasse a língua dos homens/E falasse a língua dos anjos/Sem amor eu nada seria.//É um não querer mais que bem querer;/É solitário andar por entre a gente;/É um não contentar-se de contente;/É cuidar que se ganha em se perder./É um estar-se preso por vontade;/É servir a quem vence, o vencedor;/É um ter com quem nos mata a lealdade./Tão contrário a si é o mesmo amor./Estou acordado e todos dormem./Todos dormem/ Todos dormem./Agora vejo em parte,/Mas então veremos face a face./É só o amor! /É só o amor/Que conhece o que é verdade.//Ainda /que eu falasse a língua dos homens/E falasse a língua dos anjos,/Sem amor/ eu nada seria.


Em “Oração de Um Jovem Triste” , Antônio Marcos nos fala de seu encontro com o “Cristo , Filho de Deus” de ‘olhar de ternura’:

Oração de Um Jovem Triste
Antônio Marcos

Eu tanto ouvia/ falar em ti/Por isso hoje /estou aqui/Eu sempre tive /tudo que eu quis/Mas te confesso/ não sou feliz/Calça apertada/ de cinturão/Toco guitarra/ faço canção/Mas quando eu tento/ me procurar/Eu não consigo /me encontrar//Escondo o rosto com as mãos/E uma tristeza imensa/ me invade o coração/Já, /já não sou capaz de amar/E a felicidade /cansei de procurar /...ah ...ah/Por isso venho/ buscar em ti/O que não tenho /o que perdi//Vestido em ouro/ te imaginei/E tão humilde/ te encontrei/Cabelos longos /iguais aos meus/Tu és o Cristo,/Filho de Deus/Tanta ternura/ em teu olhar/Tua presença /me faz chorar//Eu ergo os olhos para o céu//E a luz do teu amor /me deixa tão feliz/Se /se jamais acreditei/Perdoa-me Senhor/ pois hoje te encontrei/ ...ei ...ei

Repare nisso: " ...o Amor é um ser todo iluminado / que joga nos jogos da beira do precipício... "; quando se fala no “ser”  que é o  “Amor” , esse ser é Jesus:

Viajante
Fagner

É viajando pelas estradas/Desse nosso, vosso grande país/Eu vou cantando pelas alvoradas/O som tão bom dessa canção que diz/Ai que saudade, saudade, saudade/Ai que maldade, maldade, maldade/Que vem nas entranhas da beleza/Que só tem nas montanhas da tristeza/Debaixo de um céu todo estrelado/Seus olhos são fogos de artifício/O Amor é um ser todo iluminado/Que joga nos jogos da beira do precipício/Assim eu vou pro futuro/De todos os momentos/E eu vou cantar no duro/É no muro dos lamentos//Oi vê, oi vê, oi vê, oi vê/Oi vê, oi vê, oi vê, oi vê/Oh! Deus, vê se vê nosso padecer/Oi vê, oi vê, oi vê oi vê//(Cintura fina/Cintura de pilão/Cintura de menina/Vem cá meu coração )

Semente
Fagner

Os teus olhos distribuem/O que não existe no meus/As luzes que os meus possuem/São as migalhas dos teus//Quem gasta no amor vinte anos/Menos amor na alegria/Do que quem ama um só dia/E morre de desenganos // Teu sorriso é um jardineiro/ Meu coração é um jardim/Saudade, imenso canteiro/Que eu trago dentro de mim//A semente dos teus olhos
/Caiu no meu coração/Deu uma árvore de abrolhos/Deu uma fruta: a paixão

Veja nesta canção de Fagner uma mensagem que tem tudo a haver como o que vem sendo aqui exposto: ( “nós no lençol”  significa o conforto , ou zona de conforto em que faz se sentir... ). É necessário atentar para o uso de “nós” , que no caso não está a se referir a ele ( o autor ) e Jesus. O uso desse “nós” se refere a todos os que estão nessa condição de zona confortável de “lençol de cambraia” por ter tido a presença da Luz. Veremos mais adiante o uso de “nós” para abarcar todos os que viveram essa experiência.

Flor da Paisagem
Fagner

Teu zói é a flor da paisagem/Sereno fim da viagem/Teu zói é a cor da beleza/Sorriso da natureza/Azul de prata, meu litoral/Dois brincos de pedra rara/Riacho de água clara/Roupa com cheiro de mala/Zóim assim são mais belos/Que renda branca, que renda branca, que renda branca na sala/Quem vê não enxerga a praia/Nóis no lençol, nóis no lençol ,nóis no lençol de cambraia/Teus zói no fim da vereda/Amor de papel de seda/Teus zói que clareia o roçado
Reluz teu cordão colado/que renda branca na sala /nós num lençol/de cambraia!


Em “Se Eu Não Te Amasse Tanto Assim” se fala de alguém de olhar pelo qual se descobre estrelas; alguém com o poder de fazer não perder os sonhos ; de fazer não viver na escuridão; de fazer ver flores dentro do coração. Não é lá um alguém comum, né ?

Se Eu Não Te Amasse Tanto Assim
Ivete Sangalo

Meu coração/Sem direção/Voando só por voar/Sem saber/ onde chegar/Sonhando em te encontrar/E as estrelas/Que hoje eu descobri no seu olhar/As estrelas/ vão me guiar//Se eu não te amasse tanto assim/Talvez perdesse os sonhos/Dentro de mim/E vivesse na escuridão//Se eu não te amasse tanto assim/Talvez não visse flores/Por onde eu vim/Dentro do meu coração/Hoje eu sei/Eu te amei/No vento de um temporal/Mas fui mais/Muito além/Do tempo do vendaval/Nos desejos/Num beijo/Que eu jamais provei igual/E as estrelas dão um sinal//Se eu não te amasse tanto assim/Talvez perdesse os sonhos/ Dentro de mim/E vivesse na escuridão
Se eu não te amasse tanto assim/Talvez não visse flores/Por onde eu vim/Dentro do meu coração

Agora repare bem nesta música: “...eu vi/eu vi... “ Afinal, “ eu vi” quem?  O que ele viu é o que ele afirma ser ‘eo seu país’, o Amor. Certamente significa dizer que viu Jesus, e assim é o que se fez ser o seu país.
  
O Amor É o Meu País
Ivan Lins

Eu queria, eu queria, eu queria/Um segundo lá no fundo de você/Eu queria, me perdoa, me perdoa/Por que eu ando à toa/Sem chegar//Tão mais longe se torna o cais/Lindo é voltar É difícil o meu caminhar/Mas vou tentar/Não importa qual seja a dor/Nem as pedras que eu vou pisar/Não me importo se é pra chegar/Eu sei, eu sei/De você fiz o meu País/Vestindo festa e final feliz/Eu vi, eu vi/O amor é o meu País/E sim, eu vi/O amor é o meu País

Ao colocarmos a letra “Iluminados” dentro da perspectiva em que estamos abordando aqui, ela ganha um sentido de inclinação ao fato, pelo que demonstram aqueles que relatam a visão: ‘curar’ ; ‘fechar feridas’; ‘reconstituir corações que se quebraram’, etc.  É muito comum referir-se a Jesus como “Amor” ; o termo “nós” nessa letra se refere a todos aqueles que tiveram essa visão benfazeja de Jesus.

Iluminados
Ivan Lins

O amor tem feito coisas/Que até mesmo Deus duvida/Já curou desenganados/Já fechou tanta ferida/O amor junta os pedaços/Quando um coração se quebra/Mesmo que seja de aço/Mesmo que seja de pedra/Fica tão cicatrizado/Que ninguém diz que é colado/Foi assim que fez em mim/Foi assim que fez em nós/Esse amor iluminado

Quem poderia ser este anjo ? Note a alusão a Jobim, sobre quem vimos páginas atrás.

Anjo de Mim
Ivan Lins


O meu amor/Vida pulsar/Dentro de mim//Meu quero mais/Meu querer bem/Meu querubim//Anjo de mim/Me faz amor/Abraçadinho//Meu coração/Começo e fim/Meu pôr-de-mim//O meu amor/É meu luar/noites Jobim//É tanto céu/Dedo de Deus/Em meu caminho//Porto de mim/Meu sol, meu ar/Meu tudo enfim//Água do mar/Como eu sou teu/Cuida de mim//Me leva, me leva

Às vezes , ante determinada mensagem, ficamos pensando e repensando se realmente se refere ao que este blog evidencia... Por fim , acabamos por nos render às evidências devido a certos aspectos fortes da letra. Ainda mais se se trata de um artista o qual é um dos que se acha revelado neste contexto; (“... me olhando por dentro” tem  o mesmo sentido de Ednardo  em” Enquanto Engomo a Calça”  (“ Olhou meu coração “ ):

Vieste
Ivan Lins

Vieste na hora exata/Com ares de festa e luas de prata/Vieste com encantos, vieste/Com beijos silvestres colhidos pra mim/Vieste com a natureza/Com as mãos camponesas plantadas em mim
Vieste com a cara e a coragem/Com malas, viagens, pra dentro de mim/Meu amor//Vieste a hora e a tempo/Soltando meus barcos e velas ao vento/Vieste me dando alento/Me olhando por dentro, velando por mim/Vieste de olhos fechados num dia marcado/Sagrado pra mim/Vieste com a cara e a coragem/Com malas, viagens, pra dentro de mim

A letra de “É Ouro Para Mim” de alguém ( o Amor ) a quem viu ser diferente do que era ( do como nos faz passar a imagem ) ; “outra cara” ( certamente está a aludir ao sorriso de Jesus.); o saber que a pessoa está por perto a faz sentir-se mais longe ; alguém cuja a presença faz ‘ser mais forte’ ; alguém que renova a força ; que é ouro, etc. Alguém que é demais, né ? Não é alguém comum definitivamente. Na letra vai uma surpresa e um insight pelo encontro. Esta letra está bem dentro do contexto aqui abordado.


É Ouro Para Mim
Renata Arruda

Tudo junto/No meu caso rolou de uma vez só/De repente /o que era já não era mais/Mudou tudo no Amor/Outra cara/Outra forma de ver e sentir/O que antes eu não entendia/Agora é ouro pra mim/A cabeça mudou/Outra cara/Eu tô fora e não vou mais sair/O que eu não precisava/Agora é preciso/Amor é assim/Lindo/Tô que nem criança/Tô de alma limpa/Com você por perto/Sou mais longe ainda/Hoje eu quero luz de sol e mar/Nova/Renovada a força/Tô feliz da vida/Sob o seu domínio/Tô mais forte ainda/Não tem nada fora de lugar

Em “Um Certo Alguém” Lulu Santos nos fala literalmente em uma “aparição” de “um certo alguém” que assim se fez sua inspiração de vida ; que lhe mudou a direção ; alguém a quem segue a “aparição”; que desperta o seu sentimento, entre outros. Se faz aqui certamente o perfil do Ser ao qual nos reportamos aqui neste discorrimento:  

Um Certo Alguém
Lulu Santos

Quis evitar teus olhos/Mas não pude reagir/Fico à vontade então/Acho que é bobagem/A mania de fingir/Negando a intenção/E quando um certo alguém/Cruzou o teu caminho/E te mudou a direção//Chego a ficar sem jeito/Mas não deixo de seguir/A tua aparição/E quando um certo alguém/Desperta o sentimento/É melhor não resistir/E se entregar/Me dê a mão/Vem ser a minha estrela/Complicação/Tão fácil de entender/Vamos dançar/Luzir a madrugada/Inspiração/Pra tudo que eu viver/Que eu viver, uoh, uoh/E quando um certo alguém/Desperta o sentimento/É melhor não resistir/E se entregar

Na letra de “Sereia” se fala em “...ver a face luminosa do amor...” ; que amor é esse que teria face ?  Também fala em “Estrela do Oriente” ; E diz mais: “Clareira azul no céu /Na paisagem /Será magia, miragem, milagre/ Será mistério!... “ Quem poderia ser de tal natureza ; de tais predicados místicos assim ?

Sereia
Lulu Santos

Clara como a luz do sol/Clareira luminosa/Nessa escuridão/Bela como a luz da lua/Estrela do oriente/Nesses mares do sul/Clareira azul no céu/Na paisagem/Será magia, miragem, milagre/Será mistério!// Prateando horizontes/Brilham rios, fontes/Numa cascata de luz no espelho dessas águas/Vejo a face luminosa do amor/As ondas vão e vem/E vão e são como o tempo//Luz do divinal querer/Seria uma sereia/Ou seria só/Delírio tropical, fantasia/Ou será,/um sonho de criança/Sob o sol da manhã//Clara como a luz do sol/Clareira luminosa/Nessa escuridão, hum! hum!/Bela como a luz da lua/Estrela do oriente/Nesses mares do sul/Clareira azul no céu/Na paisagem/Será magia, miragem, milagre/será mistério


 Em “Leve”, Jorge Vercilo nos diz:  “... basta seu sorriso pra dispensar asa-delta e ultraleve... “; diz ainda:  “...maravilha que me elege... teu carinho me protege... “. Também se reporta ao pintor Salvador Dali que não imaginou tal coisa. E quem poderia imaginar, não é verdade ?


Leve
Jorge Vercilo

Levitar dos colibris/graciosamente breve/Como pode tão feliz ?/Censurar, ninguém se atreve, baby/Não precisam inventar/qualquer coisa que me eleve,/basta teu sorriso pra dispensar/Asa-delta e ultra-leve//Se carece de definição/ me sinto leve/Céu azul na bolha de sabão/ que o vento leve/como folha, o coração/Ao te refletir, um espelho em si/vira quadro ou vira arte/Salvador Dalí não ousou imaginar-te//E eu me sinto flutuar,/maravilha que me elege/feito pipa pelo ar/ mar azul na areia bege/ bege/Como brisa a me beijar/teu carinho me protege/Me abraça, me derrete ao brincar/como o mar no Iceberg//Com você não tem explicação/ me sinto leve/Céu azul na bolha de sabão /que o vento/Leve como folha, o coração/Ao te refletir, /um espelho em si/vira quadro ou vira arte/Salvador Dalí não ousou imaginar-te


A obra de Jorge Vercilo é repleta de determinada aparição; a aparição de Jesus. Veja este exemplo:

Celacanto
Jorge Vercilo

Você fez o meu planeta estremecer/Sinto renascer a natureza inteira/Dentro de mim/Eu julguei o amor espécie em extinção/Até surgir você no meu coração/Eu adormeci às margens de um vulcão/Sem saber que a vida/me revelaria tanta emoção/Poderoso e sereno igual ao mar
Esse sentimento vai me levar/Quando eu te vi/Eu me encontrei/Eu me perdi/Foi tão doce de/sentir/O que provei!/Quando te vi/Em ti me achei/É você o meu amor,/Agora eu sei//Precioso e tão raro de se achar,/Esse amor é um acalanto,/Celacanto solitário no mar/Animal que vem do fundo do oceano/E só de vez em quando/Se deixa avistar

Jorge Vercillo é supracitado aqui como um dos artistas que relatam a incrível, mágica e inspiradora aparição. Desta maneira entendido, ainda que uma sua letra não aluda diretamente ao fato, percebe-se nas entrelinhas, do que se trata algumas metáforas.

Arco Íris
Jorge Vercilo

Azul rei/Verde mar/Eu pedi ao arco íris/Para me emprestar/E lhe dei sem pensar/Pois preciso do infinito que você me dá//Mais que coisa linda quem me dera/Era só quimera pra um sonhador/Lembro o tempo que ficou/Ali na areia/Na noite de estrelas/Na roda de viola//E você que era só quimera/Hoje é minha vida/Hoje é meu amor/E o medo nunca mais me cega/O meu mundo explodiu em cor/Arco íris no olhar/Azul rei por sobre o verde mar/Suas cores/Quem colore/Não tem mais o que fazer/Não me reconheço sem você/Não me engano/Eu te amo

Veja o que Vercilo diz nesta letra “...o sorriso é sagrado...” , “... aqui é o paraíso...” , “...tudo estava errado sobre o dia do juízo... “ Certamente que ele está bem embasado para expressar tais afirmações:

Em Tudo Que É Belo
Jorge Vercilo

Eu ainda acredito/Num futuro mais bonito,/Que o novo é bem-vindo/E o amor é infinito.//Eu ainda acredito/Que nem tudo está perdido,/Que o sorriso é sagrado/E aqui é o paraíso/E que tudo estava errado/Sobre o dia do juízo.//Eu ainda acredito/No carinho invés do grito,/Na doçura dos meninos/Que no fundo todos somos.//Eu ainda acredito/Nos heróis adormecidos,
/Nessa força que revolta/E nos faz ficar erguidos/Cada vez que nos sentimos/Derrotados e punidos.//Eu ainda acredito/Que depois da tempestade/Vem sempre a calmaria/E consigo a liberdade.//Eu ainda acredito/Em objetos luminosos,/Que há vida no universo,/Outras luas, outros povos,/Eu ainda acredito.//Eu ainda acredito/Nas florestas e nos índios,/Na bravura das leoas,/Na alegria dos golfinhos.//Eu ainda acredito/No galope do unicórnio,/Acredito em gnomos/E no voo dos tucanos/E no canto das baleias/Alegrando os oceanos.//Eu ainda acredito/Na justiça lá de cima,/Na verdade e na vida/Como o som de uma rima./E em tudo que é belo/E em tudo que é nobre/Como as cores do arco-íris/Quando a chuva se descobre/E agradece iluminada/Pelo sol de ouro e cobre./Sei, talvez eu seja visto/Como ingênuo ou demagogo,/Inocente ou pervertido./Um hipócrita, um louco./No entanto eu insisto/Nesta chama que consome,//Eu ainda acredito/Porque sofro com a fome,/Porque ainda sou um homem.


E o que pode significar  “ ...sinfonia de pardais cantando para a Majestade o Sabiá... “ ? Certamente que fala daqueles que cantam para Jesus.

Majestade, O Sabiá
Jair Rodrigues

Meus pensamentos tomam forma e eu viajo/Eu vou pra onde Deus quiser/Um vídeo tape que dentro de mim/Retrata todo meu inconsciente/De maneira natural/Ah! tô indo agora pra um lugar todinho meu/Quero uma rede preguiçosa pra deitar/Em minha volta sinfonia de pardais/Cantando para a majestade, o sabiá/A majestade , o sabiá/Tô indo agora tomar banho de cascatas/Quero adentrar nas matas onde Oxóssi é o deus/Aqui eu vejo plantas lindas e cheirosas/Todas me dando passagem/Perfumando o corpo meu/Ah! tô indo agora pra um lugar todinho meu/Quero uma rede preguiçosa pra deitar/Em minha volta sinfonia de pardais/Cantando para a majestade, o sabiá/A majestade , o sabiá/Esta viagem dentro de mim foi tão linda/Vou voltar à realidade pra este mundo de Deus/É que o meu eu este tão desconhecido/Jamais será traído pois este mundo sou eu/Ah! tô indo agora pra um lugar todinho meu/Quero uma rede preguiçosa pra deitar/Em minha volta sinfonia de pardais/Cantando para a majestade, o sabiá

Na música “Dê Um Rolê” se fala em dando um rolê ( saindo por aí ) então ouvir alguém que ‘é amor da cabeça aos pés’. Quem se encaixa nesse perfil de ser amor da cabeça aos pés ? Esse amor todo, só pode ser Jesus:

Dê Um Rolê
Gal Costa

Não se assuste pessoa/Se eu lhe disser que a vida é boa/Não se assuste pessoa/Se eu lhe disser que a vida é boa/Enquanto eles se batem/Dê um rolê e você vai ouvir/Apenas quem já dizia/Eu não tenho nada/antes de você ser eu sou/Eu sou, eu sou, eu sou amor/Da cabeça aos pés/Eu sou, eu sou, eu sou amor/Da cabeça aos pés/E só tô beijando o rosto de quem dá valor/Praquem vale mais o gosto do que cem mil réis/Eu sou, eu sou, eu sou amor/Da cabeça aos pés/Eu sou, eu sou, eu sou amor/Da cabeça aos pés

Na música “A Primeira Vista”, quem poderia ser esse alguém por quem o artista se apaixonou por vê-lo, como algo que o arrebatou inesperadamente ? Vejamos esta e outras músicas de Chico César

A Primeira Vista
Chico César

Quando não tinha nada, eu quis/Quando tudo era ausência, esperei/Quando tive frio, tremi/Quando tive coragem, liguei.../Quando chegou carta, abri/Quando ouvi Prince, dancei/Quando o olho brilhou, entendi/Quando criei asas, voei/Quando me chamou, eu vim/Quando dei por mim, tava aqui/Quando lhe achei, me perdi/Quando vi você, me apaixonei
/Ohhh!/Amarazáia zoê,/ záia, záia/A hin /hingá do hanhan

Na obra do artista que uma vez se refere a tal encontro se encontra aqui e ali evidência do acontecimento, como percebemos na seguinte letra:

Pétala Por Pétala
Chico César

A sua falta me fez ver/O que de mau a vida pode ter/E a sua volta me dá mais/De todo o mel/que eu ousaria querer/Sua presença me faz rir/Nos dias feitos pra chover/Não há revolta pra sentir/Nem há milagre pra não crer/Vinda que finda/A tinta de pintar tristeza/E deixa os mistérios plenos de sentido/A flor da vida toda/Pétala por pétala/Que um tolo pode colher/Sem saber que é amor/Vem e aumenta em mim/O único que sou/E subtrai do que em mim passou
/É amor, vem...

Geralmente a aparição de Cristo sugere alegria, graças ao seu pleno sorriso. Veja que quando o Chico diz  “Vontade de viver mais/Em paz com o mundo e consigo”  é uma ideia  análoga a “parar o mar” visto páginas atrás em “Sem Cais” e também ao sossego que se encontra após a aparição, segundo relatos que veremos ainda mais à frente.


Pensar em Você
Chico César

É só pensar em você/Que muda o dia/Minha alegria dá pra ver/Não dá pra esconder/Nem quero pensar se é certo querer/O que vou lhe dizer/Um beijo seu/E eu vou só pensar em você/Se a chuva cai e o sol não sai/Penso em você/vontade de viver mais/Em paz com o mundo e comigo
Se a chuva cai e o sol não sai/Penso em você/Vontade de viver mais/Em paz com o mundo e consigo ( análoga em “parar o mar”; “dá sossego” ). Atente bem para o clipe oficial dessa música.

Na obra de um artista que viveu o fato da aparição de Jesus,  aqui e ali em sua obra ressalta-se alusão a isto. Assim acontece na música “ Templo  “Templo” foi também gravada pelo grupo “Catedral”( Sugestivo, não é?)  

Templo
Chico César

Se você olha pra mim/Se me dá atenção/Eu me derreto suave/Neve no vulcão//Se você toca em mim/Alaúde emoção/Eu me desmancho suave/Nuvem no avião//Himalaia himeneu/Esse homem nu sou eu/Olhos de contemplação//Inca maia pigmeu/Minha tribo me perdeu/Quando entrei no templo da paixão

Em “Pétala”,  Djavan nos fala do amor benfazejo de alguém muito especial. Quem poderia ser ?

Pétala
Djavan

O seu amor/Reluz/Que nem riqueza/Asa do meu destino/Clareza do tino/Pétala/De estrela caindo/Bem devagar.../Oh! meu amor!/Viver/É todo sacrifício/Feito em seu nome/Quanto mais desejo/Um beijo, um beijo seu/Muito mais eu vejo/Gosto em viver/Viver!/Por ser exato/O amor não cabe em si/Por ser encantado/O amor revela-se/Por ser amor/Invade/E fim!!...



Na letra seguinte,  Djavan nos diz que ‘não contará a ninguém o que viu’. Seria o que estamos nós aqui a evidenciar ? Certamente que sim.

Íris
Djavan

Mil anos luz/Um instante estelar/No prisma de toda luz/Seu olhar/Tem a coisa que o laser traz/E não diz/Bate e reduz/Quebra a viga do sentimento/Expõe à luz do tempo/Me atrai/E me distrai/E ainda faz um fogo em mim/Chama que eu vou/Chama que eu vou/Chama que eu vou//Desce do ar/Pela cisma que a noite cria/E vem criar o dia/Que eu não conto a ninguém/O que foi que eu vi/Traz no olhar/Um encanto de arco-íris/De tanto mar na íris//Me atrai/E me distrai/E ainda faz um fogo em mim/Toma que eu dou/Toma que eu dou/Toma que eu dou//Por você /eu deixo o meu viver/Pra me encantar por ti/Só você /pra me fazer sofrer/E me deixar feliz.

Já vimos páginas atrás, em Roberto Carlos ( na Paz do seu Sorriso )  que a visão de Jesus gera um fator psicológico tal na pessoa que faz se sentir no paraíso. Na música “Promessas Demais” essa ideia é reforçada, como também em outros relatos de encontro com um ‘Ser especial’:
“...o paraíso começa, é só começar um sorriso...”

Promessas Demais
Ney Matogrosso

Promessas Demais/Quem sabe um coração me dirá/Dirá se cabe ou não no mesmo lugar/Quem sabe um coração me dirá/Dirá se cabe ou não no mesmo lugar/Quem sabe um coração//Não precisava não acenar/Não precisava não promessas demais/Não precisava não acenar/Muita felicidade é um rio que vai/O rio que vai, o rio que vai me levar/Não passa na sua cidade/O paraíso, o paraíso começa/É só começar um sorriso/Quem sabe um coração me dirá/Dirá se cabe ou não no mesmo lugar/Quem sabe um coração me dirá/Dirá se cabe ou não no mesmo lugar/Num lugar comum/Onde nós dois somos um/Um que não tenha amizade/Para nenhum, para nenhum não tem jeito/Algum que não bata no peito/Pa ra ra...

Em “Frisson”,  Tunai nos fala também de alguém que lhe apareceu. Refere-se ao mesmo com “anjo lindo “ com “olhos de cristal”:

Frisson
Tunai

Meu coração pulou/Você chegou, me deixou assim/Com os pés fora do chão/Pensei que bom/Parece, enfim acordei/Pra renovar meu ser/Faltava mesmo chegar você/Assim sem me avisar/Pra acelerar/Um coração que já bate pouco/De tanto procurar por outro/Anda cansado/Mas quando você está do lado/Fica louco de satisfação/Solidão nunca mais/Você caiu do céu/Um anjo lindo que apareceu/Com olhos de cristal/Me enfeitiçou/Eu nunca vi nada igual
De repente/Você surgiu na minha frente/Luz cintilante/Estrela em forma de gente/Invasora do planeta amor/Você me conquistou/Me olha, me toca, me faz sentir/Que é hora, agora, da gente ir


Em “O Que Eu Sempre Quis” o Heróis da Resistência nos fala do efeito tão benéfico de alguém que aparece então ; menciona também o seu “sorriso”:

O Que Eu Sempre Quis
Heróis da Resistência

O vento sopra a noite /sobre mim/E eu sinto tanto frio,/ mas eu sei/Melhor ficar assim, /melhor não ter/Alguém pra ir embora, /pra esquecer/Então você me trouxe, /pro lado quente e doce/Então você me trouxe o que eu queria ter/Depois de tanto tempo eu durmo em paz/E eu já não tenho tanto pra esquecer/Todo momento bom me faz lembrar/Cada sorriso seu me faz/viver o que eu sempre quis viver/O vento sopra a noite de uma vez/E o frio que eu sentia vai também/E quando nasce o dia sobre nós/O dia é só pra agente mais ninguém/Por que você me/trouxe, pro lado quente e doce/Por que você me trouxe o que eu queria ter/Depois de tanto tempo eu durmo em paz/E eu já não tenho tanto pra esquecer/Todo momento bom me faz lembrar/Cada sorriso seu me faz viver o que eu sempre quis viver/E mesmo sem querer você me deu/O que mesmo sem saber no fundo eu sempre quis/Agora que eu já sei, eu vou fazer/O que eu puder fazer pra te fazer feliz/Depois de tanto tempo eu durmo em paz/E eu já não tenho/tanto pra esquecer/Todo momento bom me faz lembrar/Cada sorriso seu me faz viver o que eu sempre quis viver


Agora repare nesta música em que Raul fala de um determinada luz. Falaremos mais especificamente de Raul na segunda parte desse livro, onde abordaremos o fato de alguns artistas parecerem saber dessa aparição que se dá, mas que não necessariamente se deu para esses artistas. Mas como ele poderia saber ? Mas tendo tido a visão ou não, o Raul aqui nos pergunta “Que Luz É Essa ?


Que Luz É Essa?
Raul Seixas


Que luz é essa que vem vindo lá do céu?/Que luz é essa que vem vindo lá do céu?/Que luz é essa?/Que vem chegando lá do céu?//Que luz é essa que vem vindo lá do céu?/Brilha mais que a luz do sol/Vem trazendo a esperança/Pra essa terra tão escura/Ou quem sabe a profecia das divinas escrituras/Quem é que sabe o que é que vem trazendo esse clarão/Se é chuva ou ventania,/ tempestade ou furacão/Ou talvez alguma coisa que não é nem sim nem não//Que luz é essa, gente/Que vem chegando lá do céu/É a chave que abre a porta/Lá do quarto dos segredos/Vem mostrar que nunca é tarde/Vem provar que é sempre cedo/E que pra todo pecado sempre existe um perdão/Não tem certo nem errado/Todo mundo tem razão/E que o ponto de vista/É que é o ponto da questão/Que luz é essa que vem chegando lá do céu?

Agora veja como Roberto parece responder à indagação de Raul, e com convicção: "essa luz/ é claro que é Jesus", afirma Roberto.

Luz Divina
Roberto Carlos

Luz que me ilumina o caminho e que me ajuda a seguir/Sol que brilha à noite e a qualquer hora Me fazendo sorrir/Claridade, fonte de amor que me acalma e seduz/Essa luz ,/Só pode ser Jesus/Essa luz/Raio duradouro que orienta O navegante perdido/Força dos humildes, dos aflitos/Paz dos arrependidos/Brilho das estrelas do universo O seu olhar me conduz/Essa luz/É claro que é Jesus/Essa luz/Sigo em paz no caminho da vida porque/O caminho a verdade a vida é você/Por isso eu te sigo, Jesus meu amigo/Quero caminhar do seu lado E segurar sua mão/Mão que me abençoa e me perdoa E afaga o meu coração/Estrela que nos guia luz divina O seu amor nos conduz/Essa luz/É claro que é Jesus/Essa luz/É claro que é Jesus/Essa luz/É claro que é Jesus/Essa luz/Só pode ser Jesus/Só pode ser Jesus/Essa luz/ Essa luz/Só pode ser Jesus/Só pode ser Jesus/Essa luz Quero ver Jesus//É claro que é Jesus/Essa luz divina/Essa luz/É claro que é Jesus/Essa luz (Luz divina)/É claro que é Jesus(É claro que é Jesus)/Essa luz


Algumas letras parecem terem sido feitas para alguém muito especial, mas é alguém especial demais, para além de quem possamos a princípio imaginar:


Quero Quero
Cláudio Nucci

Ai, eu quero, quero tanto/Que você me aceite do jeito que eu sou/Muito inibido, recatado, tímido, puro de amor/Ai, eu quero, quero tanto/Que você me aceite do jeito que eu sou/Arrebatado, atirado, rápido, sem pudor//Sempre nessa vida solta/Fazendo a gente se chegar/Ao encontro natural/Muito bom de se ficar/Ai, eu quero, quero tanto/Que você me aceite do jeito que eu sou/Muito inibido, recatado, tímido, puro de amor/Ai, eu quero, quero tanto/Que você me aceite do jeito que eu sou/Arrebatado, atirado, rápido, sem pudor/Ai, eu quero, quero tanto/Que você me aceite do jeito que eu sou/Muito inibido, recatado, tímido, puro de amor/Ai, eu quero, quero tanto/Que você me aceite do jeito que eu sou/Arrebatado, atirado, rápido, sem pudor/Sempre nessa vida solta/Fazendo a gente se chegar/Ao encontro natural/Muito bom de se ficar/Ai, eu quero, quero tanto/Que você me aceite do jeito que eu sou/Descabelado, malucado, doido/Mas muito integrado nesse nosso amor

Pois você pode ver na letra seguinte que o Cláudio Nucci está certamente a se reportar a um acontecimento sobrenatural, o qual não é necessário aqui redundar:

Amor Aventureiro
Cláudio Nucci

Amor aventureiro/Invade o meu coração sonhador/Leva pra longe a dor/Quero viver com você/O tempo inteiro/Todos os dias replantar/Todas as noites acender/Todas as músicas/Que a voz pode cantar/Prosas e versos escrever/Cores e traços desenhar/Cacos de vida/Pra juntar no pensamento//Amor aventureiro/Todos os rios navegar/Todas as terras percorrer/Todas as mágicas/Que a mão pode fazer/Novos amigos encontrar/Outras histórias conhecer/Tantos motivos/Pra louvar cada momento

Num determinado recurso estilístico, o artista bem pode falar como um desejo ainda algo que já se faz feito. É como Roberto a cantar “... eu quero é ter um milhão de amigos e bem mais forte poder cantar...” Assim é que temos na letra seguinte: “... quero ver a cara de Deus...”

O Amor Não Precisa Razão
Beto Guedes

Não vou chorar o que já passou/Nem lamentar o mal feito/Quero ser feliz/Quero ir em paz/Com alegria no coração/Vivendo sem preconceito/Quero muito mais/Quero ser seu/Amigo/Cada vez eu reparo Melhor/É melhor guardar muito bem/O que faz você minha amiga/O amor não precisa razão/Quero ver abrir todo céu agora/Quero ver a cara de Deus//Só vou andar pela minha lei/Para viver do meu jeito/Basta se esconder/Basta ter amor/Pelo prazer de recomeçar/Liberta a mágoa pelo peito/Quero ser assim/Quero ser seu menino/Toda vez que o destino quiser/Me dá de beber a paixão/Nos olhos daquela que é Menina/Na retina da minha
Mulher/Tempo de tristeza já foi embora/E a solidão disse adeus

https://www.youtube.com/watch?v=qubFdXjGKek

https://www.youtube.com/watch?v=-cyFv-sXuyc


Já aqui sua aparição é envolvida num clima de mais seriedade: num contexto que envolve a mulher como mistério de abismos, turbilhão; e de quem poderia ser os olhos claros que ao artista servem de faróis?

Quatro
Beto Guedes

As quatro luas /na tua pele morna/ Desenham meu sinal/Mistério de teus abismos, mulher/De todo amor poder vencer/O turbilhão de viver/Teus olhos claros são meu farol//As quatro cordas
Do instrumento choram/Exatas como o sol/Clareia o céu/A cada manhã/E um acorde faz nascer/O infinito querer/Bem/Teus olhos claros são meu farol//Estrada longa estrada/A me/levar sempre embora/Nas quatro direções/Da rosa dos ventos/Tarde demais/Agora estou tão preso a ti/Meu corpo quer te levar/Teus olhos claros são meu farol//A nuvem pálida/No céu desses meus desejos/Encobre toda a paz/E põe no meu caminho quatro ilusões/Amar, viver, cantar e ser/O que eu não posso negar/Não/Teus olhos claros são meu farol

Em “Tudo De Bom”,  Fernanda Porto nos fala de alguém importante, por quem pode ser o seu desejo acontecer; e ainda indaga “Não sei se é moderno ou careta/Querer um amor tão eterno/Só com você/Tudo é tudo de bom”:

Tudo De Bom
Fernanda Porto

Só poderia ser/Sempre com você/Você acelerou minha calma/Já misturou tudo em mim/São Paulo, Rio de janeiro/Em Londres num grande terreiro/Natal caiu em fevereiro/É carnaval o ano inteiro/Só com você, poderia ser/Só poderia ser/Sempre com você//Na pista todo mundo brilha/Aqui tudo é bonito demais/Só dança quem sacode o planeta/Não sei se é moderno ou careta/Querer um amor tão eterno/Só com você/Tudo é tudo de bom/Na pista todo mundo brilha/Aqui tudo é bonito demais/Só dança quem sacode o planeta/Não sei se é moderno ou careta/Querer um amor tão eterno/Só com você/Tudo é tudo de bom/Você é tudo, você é tudo/Você é tudo de bom


A música seguinte também se encaixa no âmbito do que aqui sustentamos, pois a quem pode ser dado ver o sonho que alguém tenha sonhado ? Note também : “ ...eu vou te procurar na luz de cada olhar mais diferente... “. Atentando no trabalho de Geraldo Azevedo é comum perceber toques que confirmam tal visão em outras letras suas.

Quando Fevereiro Chegar
Geraldo Azevedo

Quando fevereiro chegar/Saudade já não mata a gente/A chama continua no ar/O fogo vai deixar semente/A gente ri a gente chora/Ai ai ai a gente chora/Fazendo a noite parecer um dia/Depois faz acordar cantando/Pra fazer e acontecer/Verdades e mentiras/Faz crer, faz desacreditar de tudo/E depois/ depois amor ô ô ôô/ Ninguém /ninguém verá o que eu sonhei/Só você meu amor/Ninguém verá o sonho que eu sonhei/Um sorriso quando acordar/Pintado pelo sol nascente/Eu vou te procurar/Na luz de cada olhar mais diferente/Tua chama me ilumina/Me faz virar um astro incandescente/Teu amor faz cometer loucuras/Faz mais, depois faz acordar chorando/Pra fazer e acontecer/Verdades e mentiras/Faz crer, faz desacreditar de tudo/E depois depois do amor//Amor ô ô//Ninguém, Niguém, Niguém Verá o que eu sonhei/Só você meu amor/Ninguém verá o sonho que eu sonhei/Um sorriso quando acordar/Pintado pelo sol nascente/Eu vou te procurar/A luz de cada olhar mais diferente/Tua chama me Ilumina/Me faz virar um astro incandescente/Teu amor faz cometer loucura/Faz mais, depois faz acordar chorando/Pra fazer e acontecer/Verdades e mentiras/Faz crer, faz desacreditar de tudo/E depois depois do amorAmor Amor


Veja ainda na letra seguinte o contexto em que Jesus é textualmente citado, como presente nas canções das quais a mensagem do texto fala:

O Charme das Canções (uis e ais)
Geraldo Azevedo

O charme das canções/São suas frases banais/São seus ais, seus uis e ão/Coisa de fazer sorrir/A triste noiva do faquir/Coisa de fazer sonhar/A moça do novo andar/Coisa de fazer parar/O chofer do caminhão/São seus ão meus ais e uis/Coisa de fazer chorar/A natureza morta/O charme das canções/São eu te amo/Tua traição teus punhais/E ai, Jesus, são seus uis
Meus ão e ais/São Jamais, jasmins ou nunca/São nunca mais ou querer teus beijos/Ou serão teus beijos, sempre/E sempre mais/São seus ais, seus uis e ao/Coisas que entortam/Um certo coração



Sabendo desta marca que possui certo artista, qual seja o de ter chegado a tal encontro, é muito comum associar certas nuances de sua letra ao tal personagem do grandioso fato. Afinal, quem pode ser o “Rei da voz “ que lhe afina o canto, desta maneira, o faz cantar com os anjos "( outros iguais nesta visão, certamente ) ?

Em Copacabana
Geraldo Azevedo

Em Copacabana tudo é rei/Copacabana tudo é rei/Em Copacabana tudo é rei e rainha/Rei da tinta me pinta pra ela/Com as cores das fases lunar/Rei da voz afina meu canto/Com os anjos eu quero cantar/Rei da vela me cerca de luzes/Sem ser visto eu quero chegar/Na cauda de uma estrela/Num manto de prata/Em tempo de lua/À rainha do mar/Rainha das rendas/Rainha do lar/Rainha das noivas/Da copa e cozinha/Rainha das flores/Da moda é rainha de lá/No beco da fome/A rainha do charme/Rainha da carne/Do abate de lá/Na beira mar beira do Rio de Janeiro/Rio beirando o mar de Janeiro/Mar beirando o Rio de Janeiro/O rio vou navegar

A letra de “No Trem do Amor” também nos parece inspirada no contexto aqui tratado:

No Trem do Amor
Flávio Venturini

É no trem do amor/Que a gente se vê/Tome logo o seu lugar/Pra rolar no trem/É só consentir/No que o coração mandar/Deve ser tão bom/Viver de amor/Vai fazer tão bem/O bem – bom/Se pintou sinal /E o trem já evem/Me dá o prazer de viajar/Você só precisa embarcar//De noite é estrela/É luz no caminho/Acorda com a manhã/Ao longo dos trilhos/Seguindo juntinho/Viver de morder a maçã/É no seu farol/Que eu vou prosseguir/Quero ver o sol brilhar/Estação final/Parar de sofrer/Vai ser tão normal ser feliz/Você só precisa embarcar/O sino é de prata/ Viver vale ouro/Me leva por onde for/O teto é de lona/Não pega carona/em sempre lugar pra mais um//No trem do amor/Vou no trem do amor


Em  “Qualquer Negócio”, os  Titãs nos fala em “O sorriso do homem que não sorri”. Jesus é conhecido pelo seu semblante sério, grave , como é grave e sério tudo o que o envolve; assim , desta maneira não se imagina que Jesus possa sorrir. É aqui apresentado como uma novidade, entre outras, claro que acreditamos que esse homem de quem falam é Jesus, sabendo-se já do seu sorriso como aqui evidenciado.

Qualquer Negócio
Titãs

Está ao alcance das mãos, experimente/Como é antigo o passado recente/Dentro de mais alguns instantes/De novo tudo igual ao que era antes//Sem conservantes, cem por cento natural//Cada um é seu próprio animal/Troque a armação e leve grátis as lentes/O que os olhos não veem o coração não sente//O sexo do homem que é mulher/E até mesmo o que você não quer/O espírito santo está na sua tevê/O pior cego é aquele que não quer ver//Compra-se tudo, tudo se vende/É conversando que a gente se entende/Você pode ser a namorada do Brasil/De novo pra você o que você nunca viu//E antes de ir, doe aqui o seu coração/Guarde o que tem agora para a próxima encarnação//(Morreram Sérgio de Britto Álvares Affonso e Charles de Souza Gavin/Desaparecido Paulo Roberto de Souza Miklos, desde sábado de manhã)/Dentro de apenas mais alguns segundos/Pra você, agora sim um novo mundo/A estátua da Nossa Senhora que chora/Estamos abertos vinte e quatro horas//Para crianças, jovens e adultos/A nossa mais nova linha de produtos/Os cavaleiros do zodíaco estão aqui/O sorriso do homem que não sorri/Divirta-se, você é o que você come/Aqui é o paraíso para mulheres e homens/E antes que mais um dia acabe/De novo pra você tudo como já se sabe//Dinheiro é bom, dinheiro é bom até assim/Ainda é muito bom mesmo quando é ruim/Se você não provou, um dia ainda vai provar
É fácil dizer, difícil é acreditar//E quem é que quer ver as coisas como realmente são?/Sempre tem alguma farmácia que fica aberta de plantão//(Internados Joaquim Claudio Corrêia de Mello Junior e José Fernando Gomes dos Reis/Detidos Antônio Carlos Liberalli Bellotto e Marcelo Fromer, desde o último dia seis/Libertado Arnaldo Augusto Nora Antunes Filho, poeta e compositor que havia sido sequestrado ao sair de um baile funk no morro chapéu mangueira na zona sul no Rio de Janeiro).

Veja a plena divinização do objeto desta mensagem. Certamente que se trata de alguém especial para além de qualquer pessoa que se possa a principio imaginar

Eu Já Me Habituei
Agnaldo Timóteo

Enfim você chegou/E eu não vou mais/Ficar sozinho/Chegou pra iluminar/Com o seu olhar/O meu caminho//Notei que o nevoeiro/Da solidão Já não existe/E assim meu coração /Não e mais triste//Agora posso sentir/O ressurgir de uma quimera/As rosas são mais formosas/E nem estamos na primavera/No espaço a cantar passa feliz um passarinho/E torna mais bonito o meu caminho//Nasce o sol desta ilusão/Se esconder então você outro caminho/Que certo amar/Eu vou chorar de encanto eu sei/Mas sem revolta/Pois a tristeza/Eu já me acostumei

Na mensagem da letra da música abaixo não é preciso raciocinar tanto para identificar quem é aludido como fonte oculta nas areias da qual bem aventurados os que dela bebem porque para sempre serão consolados.

Ah, se pudéssemos contar as voltas que a vida dá /Pra que a gente possa encontrar um grande amor. /É como se pudéssemos contar todas estrelas do céu, /Os grãos de areia desse mar, ainda assim... /Pobre coração o dos apaixonados, /Que cruzam o deserto em busca de um oásis, em flor /Arriscando tudo por uma miragem, /Pois sabem que há uma fonte oculta nas areias, /Bem aventurados os que dela bebem,Porque para sempre serão consolados./Somente por amor a gente põe a mão/No fogo da paixão, e deixa se queimar, /Somente por amor,/Movemos terra e céus, /Rasgando os sete véus, /Saltamos do abismo sem olhar pra trás,/Somente por amor, e a vida se refaz.../O tempestade vem,/Me abraça e me devora,/Em teu manto sagrado/Bem aventurança, êxtase e gloria,/Sementes de um amor,/Areia e pó que o vento do deserto carregou, /rasgando a solidão,/Retornam os girassóis, /No templo do amor,/Um novo deus nasceu,/E a morte não mais pra nós.


Na letra seguinte vemos uma alusão semelhante: ‘fonte de água pura que extingue a amargura’ :

Dança da Solidão
Paulinho da Viola

Solidão é lava que cobre tudo/Amargura em minha boca/Sorri seus dentes de chumbo/Solidão palavra cavada no coração/Resignado e mudo/No compasso da desilusão/Desilusão, desilusão/Danço eu dança você/Na dança da solidão/Camélia ficou viúva, Joana se apaixonou
Maria tentou a morte, por causa do seu amor/Meu pai sempre me dizia, meu filho tome cuidado/Quando eu penso no futuro, não esqueço o meu passado/Desilusão, desilusão/Danço eu dança você/Na dança da solidão/Quando vem a madrugada, meu pensamento vagueia/Corro os dedos na viola, contemplando a lua cheia/Apesar de tudo existe, uma fonte de água pura /Quem beber daquela água não terá mais amargura

Na melodia abaixo também se fala dum sorriso que seria incomum se pensar, e até mesmo se afirmar se não tiver uma determinada experiência real, já que tudo na religião referente se envolve numa seriedade, numa sisudez sepulcral.

Tu Me Amas/Quero sentir Teu olhar sobre mim para não me sentir só/Preciso ver o teu rosto, Senhor, Te ver sorrindo pra mim/ Assim, irei contemplar-te e conversando contigo/Me abrirei por inteiro, para que possas agir/Tu me amas e me entendes como sou/E conheces o meu coração, Senhor/Sei que posso me alegrar com Teu amor por mim/Pois Tua misericórdia é sem fim.



Quem “ilumina” só pode ser Luz. Não é lá muito comum usar o termo ‘iluminar’ em relação a alguém que se goste, que se ame, que não seja um ser de luz.
No estilo de Jair Luz se percebe alguém muito especial como seu alento. Através segundo link referente a esta sua letra aqui destacada se poderá conferir as alusões ouvindo todas as suas letras do seu trabalho disponibilizado.


E Mais Ninguém
Jair Luz

Espera que eu volto/Já tentei de tudo/Já rodei o mundo de novo/Com você eu sou/E mais ninguém traduz/Os meus encantos/ Nada muda o meu mundo/Já achei o mapa/ Não quero mais nada/Sigo, sei da distância/ Mas tudo vale à pena/Quando se gosta//É você, só você/Ilumina o meu mundo/E eu preciso disso tudo //Com você, só você/ Ilumina o meu mundo/E eu preciso/disso tudo/Com você, só você/Ilumina o meu mundo//Espera que eu volto

E quem pode ser o anjo para quem o artista aqui se expressa?

Uma Vez Mais
Ivo Pessoa


Voa minha ave/Voa sem parar/Viaja pra longe/Te encontrarei/Em algum lugar.../Permaneço em ti/Como sempre foi/Mais perfeito e mais fiel/Mesmo sozinho sei/Que estás perto de mim/Quando triste olho pro céu/Quando eu te vi/O sonho aconteceu/Quando eu te vi/Meu mundo amanheceu/Mas você partiu sem mim/E sei que estás/Em algum jardim/Entre as flores/Anjo/Meu tão amado anjo/Bem sei que estás/E eu do brando sono/Hei de acordar/Para os teus olhos/ Ver uma vez mais/Mais/O verdadeiro amor espera/Uma vez mais/Quando eu te vi/O sonho aconteceu/Quando eu te vi/Meu mundo amanheceu/Mas você partiu sem mim/E sei que estás/Em algum jardim/Entre as flores

Analisando o discurso de Hyldon, pode-se perceber aspectos que nos leva à suspeição desta mesma aparição para o mesmo.

Solidão Vai
Hyldon

Cenas de filme, de contos de fada/Pra mim, assim era o amor/Andava triste, sozinho na estrada/Sem ter alguém pra conversar/ Rolava na vida sem ter um lugar/Ave sem ninho, sem lar/Vida vazia, navio sem mar/ Em noite escura sem luar/Solidão vai/Vai pra bem distante, vai/Não preciso de você / Encontrei a outra parte/Tenho agora um bem-querer/Sabe Deus, quanto que eu te quero/Sabe Deus, quanto que eu te amo/Sabe Deus/Sabe Deus /Sabe Deus/ Solidão vai, solidão vai/Solidão vai, solidão vai

Expressões como “milagre da vida”, “mistério do amor” , “iluminar” envolve a mensagem de Hyldon aqui em um clima místico, pelo qual se percebe que não se está falando de uma pessoa comum, mas sim de um ser especial.

Amor Secreto
Hyldon

É o milagre da vida/É o mistério do amor/ Palavras não explicam nada/Eu tenho um amor secreto/Guardado lá no fundo do meu coração/Está ficando cada dia mais esperto/Confundindo realidade com a ficção/Eu quero ver o meu amor chegar/ Abrir aquela porta/Me envolver, me abraçar/Iluminar com a sua luz a minha casa/Eu tenho um amor secreto/Trancado a sete chaves no meu coração/Está ficando a cada dia mais indiscreto/Não sei porque não quero ouvir a voz da razão/Eu quero ver o meu amor chegar/Abrir aquela porta/Me envolver, me abraçar/Iluminar com a sua luz a minha casa/Olho pro céu, olho pro mar/Vejo o seu rosto em todo lugar/Na beleza de uma flor/Deus buscou inspiração/Quando fez você pra ser o meu amor/Um amor secreto guardado lá no fundo do meu coração/Está ficando cada dia mais esperto/Confundindo realidade com a ficção/É o milagre da vida/É o mistério do amor/Palavras não explicam nada

Não foi encontrado vídeo para esta música.



É possível que a aparição para Hyldon tenha inspirado uma letra como esta. Música que também foi por Fagner  regravada.

As Dores do Mundo
Hyldon

O teu olhar, caiu no meu/A tua boca na minha se perdeu/Foi tão bonito, tão lindo foi/E eu nem me lembro o que veio depois/A tua voz dizendo amor/Foi tão bonito que o tempo até parou/De duas vidas uma se fez/E eu me senti nascendo outra vez/E eu vou esquecer de tudo/Das dores do mundo/Não quero saber quem fui, mas sim o que sou/E vou esquecer de tudo/Das dores do mundo/Só quero saber do seu, do nosso amor

O fato deste contato impensável faz alterar concepções de entendimento de tudo o que envolve, desde como se pensava então. Sorriso e presença espiritual liberta mais a consciência tornando o artista mais despojado, mais à vontade no trato direto com tão magnífico ser. Certamente foi tal contato que inspirou uma mensagem de Benito. Aqui na voz de Roberto. O mesmo Roberto de “Na Paz do Seu Sorriso”:

Quero Ver Você de Perto
Benito Di Paula

De que adianta você fugir/Solte seus cabelos/Fique a sorrir/Vou fotografar sua mente/Quero ver seu corpo presente/Quero ver de perto seu amor/Não ligue pra vida resto de amor/Não importa o mundo/A se revelar/Eu vou ampliar sua vida/Em alto contraste com a volta/Closer em preto e branco Com muito amor//Quero ver você de perto


Sendo Benito Di Paula um dos quais participam da mesma contemplação, não é difícil associar a isto a inspiração da letra de
“Certeza De Você Voltar” :

Certeza De Você Voltar
Benito Di Paula

Foi você, na madrugada/Que chegou sem dizer nada/Que sorriu pra mim notar/Conversamos, simplesmente/Foi aí que, de repente/Despertei pra dar amor/E passamos tanto tempo/Nos olhando e até, por dentro/ Sem falar eu dediquei/Amor a você/Tudo e a noite foi passando/Você se distanciando /Bem pra trás fiquei no amor/Não faz mal, valeu o instante/E a certeza de você voltar/Não faz mal, valeu o instante/E a certeza de você voltar

Nesta mensagem, o Benito confunde o Papai Noel com o próprio Jesus, que “chegou”. É como alguém grato a Jesus por presente em si trazido como o Papai Noel.

Jesus Papai Noel
Benito Di Paula

Quero de presente muito mais amigos/Uma estrela lá no céu/Chegou Jesus Papai Noel/Quero de presente muito mais amigos/Uma estrela lá no céu/Chegou Jesus Papai Noel/Quero a paz/neste Natal refletindo a todo mundo/Amor e compreensão para vivermos melhor/E pedir ao Papai Noel de presente uma oração/Pra que seja eterno o Natal e o mundo todo irmão/Quero de presente muito mais amigos/Uma estrela lá no céu/Chegou Jesus Papai Noel/Quero de presente muito mais amigos/Uma estrela lá no céu/Chegou Jesus Papai Noel/Quero a paz neste Natal refletindo a todo mundo/Amor e compreensão para vivermos melhor/E pedir ao Papai Noel de presente uma oração/Pra que seja eterno o Natal e o mundo todo irmão/Quero de presente muito mais amigos/Uma estrela lá no céu/Chegou Jesus Papai Noel/Quero de presente muito mais amigos/Uma estrela lá no céu/Chegou Jesus Papai Noel


Carlinhos Brown nos fala nessa letra que alguém dá risada e ri. Quem será esse alguém de quem Carlinhos fala ?  Nos parece bem sugestiva esta letra, e a contento do que estamos abordando.

Risada
Carlinhos Brown

E dá risada e ri/E dá risada e ri//Feliz, Feliz/Feliz que dá risada e ri

A imagem mais marcante que nos trás o Carlinhos Brown nessa mensagem de  "Yara há" é de “barcos na beirinha do mar” .  A expressão “Barcos na beirinha do mar” pode muito bem estar associado a pessoas que estão em condição pró viagem. Os barcos estão na beira do mar, mas dali podem ir longe ganhando o mar; bem como pessoas em condições semelhantes a esses barcos, com esse potencial de sair em viagem mundo afora;e saem nessa viagem e acabam por “buscar quem vive”, ora, a quem se referem certas pessoas afirmando que “vive” ? Jesus, claro. É muito comum a frase “ Jesus vive” , como também “Jesus salva”. Carlinhos está falando de pessoas quem saem em viagem ( falaremos da natureza dessa viagem na parte dois desse livro )  e acabam encontrando Jesus, “quem vive “, assim diz. Note que não está expressa na letra mas no canto Carlinhos grita : “E é Rei !“ , ora, "Rei" também é um termo que se costuma associar a Jesus. Sobre a questão de destacarmos  Carlinhos Brown, assumidamente afro-religioso,  como também alguém que teve um encontro com Jesus , e ainda assim permanece em sua religião de origem, abordamos também na segunda parte desse livro.

Yara há
Carlinhos Brown

O amor quer ter saúde /Deixa o amor ter /O amor não tem limites /Deixa o amor ter /O amor quer ver o mundo /Deixa o amor ter /O amor quer ter as coisas /Deixa o amor ter /Yêeeah/Yarahá /Ô Yarahá!/Yarahá /Ô Yarahá!/Barcos na beirinha do mar /Odoiá!/Saber dar meiguice e doar /Charme do lar//Faz brincadeirinha, linha a linha /Para ter o sol /Doura a pele assa a areia, o sal  /Pele timbau /Vai buscar quem vive, quem vive /Vai buscar quem vive, quem vive /Yêeeah/Yarahá Ô Yarahá!/Yarahá /Ô Yarahá!/Lailalailalalalala /Abra a janela pro teu sol meu amor /Se quer queimar meu coração /Com seu calor /Com tudo mais estou contente /Quero quente /Hoje vai ter luar diferente

Em certas canções a afirmação da visão de Jesus se faz através de termos que deixam o fato subentendido. Veja  essa frase Na letra: “eu vi no fim do túnel a luz dos teus olhos azuis meu amor “

Veneno
Paulo Ricardo

Só eu sei/Onde vou/Sexo e drogas/E rock´n roll/Nunca foi/Nem será/I can´t get no/Satisfaction/Se a morte é o fim/Deixe as coisas assim/Como estão/Outra vez/Só nós dois/Nesse papo/Tempos depois/E o que há/Afinal/De tão errado/Se está tudo igual/Se o texto é o mesmo/É só um pretexto pra gente ficar/Falando a esmo/Dos mesmos problemas/Na mesa de um bar/Tantos anos e tanta gente/Tantos planos tão diferentes/Tanto tempo e tantos projetos/Mas acho que estamos/Cada vez mais perto/Se eu errei/Se eu perdi/Pelo menos/Eu aprendi//Day and night/Night and day/Se no final/Eu te encontrei/E em tua beleza/E em toda minha/fraqueza/Entendi/ Que é do próprio veneno/Que se extrai o antídoto/E eu vi/No/fim do túnel a luz dos teus olhos azuis/Meu amor


Como o Paulo Ricardo já nos relatou seu encontro com a’ luz dos olhos azuis de alguém’, já não fica tão difícil saber de quem ele está a falar assim: “Mas, de repente, eu encontrei/Alguém que tanto procurei/E finalmente compreendi/Que o verdadeiro amor é mais” entre outras coisas mais que ainda diz, como por exemplo: “ o amor é uma revolução”.


Mais e Mais
Paulo Ricardo

Depois de tantas armadilhas/Jogos de amor e sedução/Depois de tantas fantasias/Eu coloquei os pés no chão/Depois de tantos desenganos/Que machucaram o coração/Depois de todos esses anos/Me acostumei com a solidão/Depois de tanta convivência/E tanta reconciliação
Depois de toda experiência/Eu decidi dizer que não/Eu preferi ficar sozinho/E dar um tempo pra pensar/Nas coisas que eu andei fazendo/Na vida que eu quero levar/Mas, de repente, eu encontrei/Alguém que tanto procurei/E finalmente compreendi/Que o verdadeiro amor é mais/Do que um momento de prazer/De sexo sem paixão/O amor é uma revolução/Por tudo que você me faz/Eu te amo mais e mais/Você foi capaz de derreter o gelo/Com todo o seu calor/Por tudo que você me faz/Eu te quero mais e mais/Você me trouxe a paz/E fez com que eu voltasse/A acreditar no amor


Em seu disco de lançamento Sine Calmon em várias músicas faz referências diretas a Jesus. Desde já podemos destacar: “ Todo o dia eu canto para o meu Deus / Ele é a luz dos olhos meus “ ( Aqui , o apelo ao sentido da
visão nos é bastante significativo ) ; "Oh vem ! Vem nos dar sorriso, vem sim “ (
Não podemos simplesmente acolher a este "sorriso" como apenas uma metáfora , mas um relato de um fato de quem foi agraciado por esse raio se luz de forte poder
mental, espiritual... .) Em ambos os casos, remetemos estas palavras a uma literalidade, bem mais do que simples metáfora. Veja nas letras que se seguem o quanto mais nos diz o Sine sobre Jesus. Alguém que demonstra uma fortíssima personalidade e eloquência como o Sine ( o mesmo podemos atribuir a outros artistas
) não iria falar assim com tanta convicção apenas por leitura bíblica , ensinamentos passados por terceiros ou por pregações ouvidas,  por mais inflamadas que tenham sido, mas sim por uma constatação que só um encontro surpreendentemente real desta forma pode proporcionar. Apenas confira:


Não é incomum associar  Jesus a Deus, e acaba se tornando como Deus para muitos assim. Daí que Sine acaba envolvendo no mesmo contexto “Deus” e  “luz dos olhos”  “Todo dia eu canto para o meu Deus/Ele é a luz dos olhos meus”

Morrão Fumegante
Sine Calmon & Morrão Fumegante

Estou mais uma vez aqui/Cantando pra vocês/As coisas lindas/Que há lá no fundo do mar/Estou mais uma vez aqui/Cantando pra vocês/As coisas lindas/Que há lá no céu e no ar//Meu amigo, há ciência, eu sei/Mas o mundo, o Criador que fez/A criação, testa Dele com harmonia/E da guitarra sai lindas melodias, assim/Hoje vou tocar/Ao pé da fogueira/Do fogo do morrão fumegante que há/Hoje é dia/É dia de lua cheia/Tenho vontade de sair para pescar/Todo dia eu canto para o meu Deus/Ele é a luz dos olhos meus/Seja manhã, à tarde, noite ou dia/Ele mesmo traz pra mim/Lindas melodias, assim/Por isso estou aqui alegre a cantar/Cantar para o leão da tribo de Judá/Por isso vem/Vem, vem, vem viver essa luz/Essa luz que está em Jesus


“O amor está tão vivo” , assim afirma o Sine, mas pela experiência que teve certamente. E fala em dar “sorriso”, que só quem viu sabe desse “sorriso”.

É Demais
Sine Calmon & Morrão Fumegante

É demais por meu coração/É demais essa canção/Tão linda a vida/Vem/Que eu quero viver (Que eu quero levar)/Que eu quero sentir (Que eu quero te dar)/Mas eu sei que o amor é lindo/E sinto que ele está tão vivo/E espero que um dia o amor/E espero que o amor vai imperar/Ó vem, vem nos dar sorriso/Ó vem, vem nos dar abrigo, vem sim/O amor sempre está comigo/Por isso estou aqui a te esperar/Te tocarei de guitarra

Se sabe que não precisa morrer para viver o eterno amor é porque já o vive, claro; e isso certamente é pela experiência que teve com a Luz.  Sabe também que por essa presença benfazeja é que teve a sua salvação dos problemas, das aflições. Não se resolveu a partir de si, mas da Luz. Daí, “a salvação não vem da gente, não “.

Mississipi Blues
Sine Calmon & Morrão Fumegante

Sei que um dia vou pro céu/Ao encontro do Senhor/Sei que nunca vou morrer/Pra viver eterno amor/Somos remanescentes/Neste mundo tão pendente/Venho pra lhes dizer/Que a salvação não vem da gente, não/Mas se quiser cantar/Abre a boca e diz assim com a gente/Mas se quiser louvar/Toque um blues do Mississipi assim





Em “Fonte De Luz” , Sine nos fala em “encontrar com o Espírito de Deus, Pai “ ; “água da fonte da luz” ; “espírito da vida, Jesus” ; a paz. Certamente que fala por experiência própria de como é.

Fonte De Luz
Sine Calmon & Morrão Fumegante

Vocês não sabem a força que têm/Precisa da luz pra poder se guiar/A luz está na porta dizendo que vem /Sinta tão forte, é só se ligar/Na luz, na luz/O homem anda cansado à procura de alguém/Reflita consciente, não olhe pra trás/O mundo, o homem ameaça também/Está tão distante do seu habitat/Da luz, da luz/Precisamos beber da água da fonte da luz/Precisamos clamar o espírito da vida, Jesus/Precisamos encontrar com o Espírito de Deus, Pai/Vamos encontrar com a paz/Dentro da luz você vai habitar/Dentro da luz você vai se encontrar


Em “Andava Sozinho” , Sine fala com alguém, através de quem encontrou o amor, e, seguindo fala  de quem foi rejeitado, pois Israel não entendeu, enfim , fala de Jesus como a morada; idéia associada a quem encontrou; “Encontrei o amor em você/E tudo mais que eu procurava/Não tem mais dúvida/O Senhor é nossa morada”

Andava Sozinho
Sine Calmon & Morrão Fumegante

Já andei por tantos caminhos/Quanto tempo andei sozinho/Viver sem razão por quê?
Por quê?/Se em Jesus tá todo o poder/Sinta agora mesmo em você/Nunca serás abalado/Encontrei o amor em você/E tudo mais que eu procurava/Não tem mais dúvida/Já desceu, já desceu por água//Já andei por tantos caminhos/Quanto tempo andei sozinho/Viver sem razão por quê?/Por quê?/Se em Jesus tá todo o poder/Sinta agora mesmo em você/Nunca serás abalado/Encontrei o amor em você/E tudo mais que eu procurava/Não tem mais dúvida/O Senhor é nossa morada/Pedra de esquina é você/rejeitado assim porque/Israel não entendeu nada/Pai das luzes , lindo é você/Dono da ciência, pode crer/Está presente em qualquer parada/Encontrei o amor em você/E tudo mais que eu procurava/Não tem mais dúvida/O Senhor é nossa morada



Veja como Milton Nascimento fala aqui : “e vais ver que nesta vida / Mesmo a dor vai te sorrir “ ;pode estar se referindo à visão de que aqui tratamos. Para quem até então identifica Jesus com a “dor”, pelo que sofreu, até se surpreender quando o vê sorrindo, feliz.

Irmão de fé
Milton Nascimento

Meu irmão fala da vida/Eu, irmão, sei que viver é bom/Mas pra ter mundo que quero/Vou deixar corpo na solidão//Vou fazer faca de prata/E vou lutar 'té morrer/Mas vivendo sei de verdade/Minha gente vai me amar//Meu irmão, vai me seguir/E vai lutar pelo que quer/Senão vai matar, sangue que brilha/E parar força que vai mudar//Ver no chão tua esperança/Larga atrás tua prisão/Esta areia vai te matando/Tira a paz do coração//Venha, esta areia já está queimando/Pára e vê o sol chegando/Tua gente vai ficar feliz//Anda, novo dia está nascendo/Liberdade já está chegando/Nossa gente sabe que está rindo/Nosso canto que é de paz//E vai ter gente vivendo/Gente enfim vai ser feliz/E vais ver que nesta vida/Mesmo a dor vai te sorrir//Anda, novo dia está nascendo/Liberdade já está chegando/Nossa gente sabe que está rindo/Nosso canto que é de paz//E vai ter gente vivendo/Gente enfim vai ser feliz/E vais ver que nesta vida/Mesmo a dor vai te sorrir


Veja como Marcelo Nova, nas margens do seu estilo, se reporta ao fato revelado neste blog : o “grande desvendar “. Veja como ele diz : “ sua vida e sua morte... saíram de mim “ e imagine a leveza que dele então se apossa:


Fecundado
Marcelo Nova

Eu vi um ponto de luz pulsando no escuro/Sem fome sem nome/ aceso/ sinalizando o Futuro/De passagem na tela,  sua imagem de álien não identificado/Vejo no ultra som ele seguido de perto sendo rastreado//Era apenas mais um que nadava e rasgava/Um pequeno oceano/Dentre todos você o mais forte porque, o/Mais ágil o mais duro/Mas não sei que desejos , que sonhos e medo,/Nem mesmo quais planos/Podem estar contidos, num ponto de luz/A pulsar no escuro//Eu vi um ponto de luz pulsando no escuro/Eu vi um ponto de luz pulsando no escuro/Eu vi um ponto de luz pulsando no escuro/Eu vi um ponto de luz pulsando no escuro//Não possui um corpo como o nosso/Disforme desajeitado/Sem mágoa sem culpa sem queixa ou desculpa,/Ele não tem passado/Seu ritmo exato é seu auto retrato tão/Intenso e seguro/Eu vi um ponto de luz a pulsar no escuro//Lá dentro a espera de outra atmosfera, o Grande desvendar/Bem lá no começo, onde nada tem preço./Onde só a o fim/Num silêncio profundo/ como respira o mundo/ nesse fundo de Mar/Sua vida e Sua Morte luzindo no escuro /Saíram de mim//Eu vi um ponto de luz pulsando no escuro/Eu vi um ponto de luz pulsando no escuro


Nesta música, em que Marcelo se reporta certamente ao fato acima , veja como ele pondera : “ Quando lhe encontrei, não acreditei, pois você não existia. Como pode a ciência tentar explicar tamanha bruxaria, esse pequeno invasor na noite do ventre, vir a tona um dia ? “


O Galope do Tempo
Marcelo Nova

Aí vai o Galope do Tempo no seu corcel alado/Não volta não salta nem para e nunca fica cansado/Sua crina envolve meus sonhos sem muita cautela/Com a guerra a peste a fome e a morte atrelados na cela/Como se fosse em busca de algo que nunca encontrasse/Deixando seu rastro nos vincos e rugas, dessa minha face/Seus olhos gigantes não dançam nem piscam parecem dopados/Assim vai o Galope do Tempo no seu corcel alado//Quando lhe encontrei não acreditei, pois você não existia/Como pode a ciência tentar explicar tamanha bruxaria/Esse pequeno invasor na noite do ventre, vir a tona um dia//Mas parece que hoje é apenas o ontem de amanhã/Então foi agora nem faz uma hora Adão mordeu a maçã/Sinto raiva do tempo, mas adoro esse vento/Que ele insiste em soprar/Expulsa por um aviso, ave do Paraíso, meus/Braços erguidos irão te amparar//Aí vai o Galope do Tempo no seu corcel alado/Sua trilha, caminha, nosso rumo e destino, seu significado/Vamos tentando encontrar algo que justifique esse estranho legado/Com vida pulsando entre as patas e cascos desse corcel alado


Luis Buñuel foi um cineasta , e aqui Marcelo parece brincar , fazendo uma espécie de paralelo do seu suposto fantasma com o fato aqui relatado , e que parece lhe inspirar nesta música.

O Fantasma de Luis Buñuel
Marcelo Nova

Quem lhe ensinou a sorrir desse jeito/Quando tudo que eu quero é ficar sossegado/Se as evidências não tivessem caído maduras/É muito provável que você as tivesse negado.//Pensei já ter visto tudo isso em outro lugar/Sua boca pintada, sua língua espada anjo exterminador/Quem de sã consciência viria parar aqui no fim do mundo/Onde o rei está morto e o carrasco no trono é quem toca o tambor//A semente da dúvida plantada no seu inconsciente/Sim seu medo latente não me deixa pensar/E o fantasma de Luis Buñuel está pra chegar//Aqui dentro o silêncio é bem mais forte que o frio/Dá pra sentir o ritmo do seu pequeno acesso de asma/Dá pra ouvir o guarda noturno correndo e apitando/ Apavorado como se tivesse visto um fantasma//A lua solta no espaço exibe seu brilho a sua dor/As flores mortas de sede estão secando no vaso/Seu destino pensado não correu pro lado que você queria/É que a necessidade não tem a mesma pureza do acaso//Com os olhos fechados pois acostumados a ver na escuridão/A noite se move e se move então chove a noite vai desabar/Com o fantasma de Luis Buñuel a nos observar//São noventa pessoas vestidas e prontas para o jantar/Umas vieram em sonho outras chegaram de trem/Elas trocam apertos de mão e presentes tão caros/Cada uma querendo o que a outra já tem//"Ah, mas esses criados não ficam calados, tão impertinentes!"/Disse a jovem senhora voltando as horas num relógio quebrado/E se o futuro me aguarda e ele não tarda nem chega atrasado/Que horas serão quando o tempo mudar para tempo passado//Adeus disse o tempo e sorriu fechando a janela/E aquela senhora outrora tão jovem já parece morta/É o fantasma de Luis Buñuel que abre outra porta//Valquíria a noiva virgem que chegou das Bermudas/Colocou a vaidade na mesa e a verdade no chão/Seus olhos fontes azuis de tanta pureza/Conserva sua virgindade como uma perversão//Falou de um vagão de terceira cheio de gente do povo/Que mais parecia um antigo e enorme acordeom/Abrindo e fechando solando uma dança demente/Tão em cima dos trilhos e no entanto tão fora do tom/E se não há verdades então talvez tudo seja ilusão/Só uma gargalhada que ecoa do lado de fora/E o fantasma de Luis Buñuel decide ir embora

“Fecundado” e “ Galope do tempo “ são as duas primeiras canções do disco , e é interessante notar como nas duas músicas seguidas a estas há referências a Jesus. Através do link seguinte o disco integral. Repare ainda em músicas como “Angel” e ainda numa outra música em que se inicia repetindo estes versos já cantados em “ O Galope do Tempo “ : Quando lhe encontrei não acreditei, pois você não existia/Como pode a ciência tentar explicar tamanha bruxaria/Esse pequeno invasor na noite do ventre, vir a tona um dia”
Disco integral:


Pode-se ter um entendimento mais preciso de “O Começo da Visão” , sabendo-se de quem se revela uns em certas circunstâncias. ”. ( falaremos na segunda parte desse livro sobre as circunstâncias mais gerais e mais específicas do aparecimento de Jesus )
Fala ainda de benefícios mais que lhe trouxe : “despertou-me dessa dor/suavizou-me na razão"

O Começo da Visão
Zé Ramalho

É um pedaço de estrela/um precioso talismã/que se espelhava na beleza/que cintilava na manhã/que despertou-me dessa dor/suavizou-me na razão/banhada de água-de-flor/pingada de arrumação//é o começo da visão/que se escondeu pra te olhar/revirou meu coração/descobriu-se no andar/no jeito de remexer/no meio do temporal//é um pedaço de estrela/um precioso talismã/que se espelhava pela noite/que se espalhava na manhã


A música seguinte é bem sugestiva de quem viveu tal encontro : “ Seus olhos meu clarão / Me guiam dentro da escuridão / Seus pés me abrem o caminho /Eu sigo e nunca me sinto só...”


Velha Infância
Tribalistas

Você é assim/Um sonho pra mim/E quando eu não te vejo/Eu penso em você/Desde o amanhecer/Até quando eu me deito//Eu gosto de você/E gosto de ficar com você/Meu riso é tão feliz contigo/O meu melhor amigo/É o meu amor//E a gente canta/E a gente dança/E a gente não se cansa/De ser criança/A gente brinca/Na nossa velha infância//Seus olhos meu clarão/Me guiam dentro da escuridão/Seus pés me abrem o caminho/Eu sigo e nunca me sinto só//Você é assim/Um sonho pra mim/Quero te encher de beijos/Eu penso em você/Desde o amanhecer/Até quando eu me deito/Eu gosto de você/E gosto de ficar com você/Meu riso é tão feliz contigo/O meu melhor amigo/É o meu amor/E a gente canta/E a gente dança/E a gente não se cansa/De ser criança/A gente brinca/Na nossa velha infância/Seus olhos meu clarão/Me guiam dentro da escuridão/Seus pés me abrem o caminho/Eu sigo e nunca me sinto só/Você é assim/Um sonho pra mim/Você é assim/Você é assim/Você é assim/(-Você é assim/Um sonho pra mim/E quando eu não te vejo/Penso em você/Desde o amanhecer/Até quando me deito/Eu gosto de você/Eu gosto de ficar com você/Meu riso é tão feliz contigo/O meu melhor amigo
É o meu amor"


Que relação pode haver entre “livrar minha dor” ; “ exorcizar “ ; “ me benzer “ ; “escapar “ e "alguém " que "encontrar" ? A letra de “Tá Tudo Bem” apresenta uma conjunção de aspectos propícios à ocorrência do fato que sustentamos aqui.

Tá Tudo Bem
Pedro Mariano

Hoje eu vou sair de cena/Me livrar da minha dor/Exorcizar/E lembrar que vale a pena/Rir de tudo, me benzer, escapar//Sem razão, sem pensar/Só viver sem ter hora pra chegar//Caminhar ao sol/Encontrar alguém/Me deixar levar/Se o meu dia for assim/tá tudo bem/Enganei minha saudade/Com história que só eu sei inventar/Fantasiei a realidade/Não me importa onde isso tudo vai dar/Sem razão, sem pensar/Só viver sem ter hora pra chegar/Caminhar ao sol/Encontrar alguém/E deixar levar/Se o meu dia for assim/Tá tudo bem





O Segundo Sol
Cássia Eller


Quando o segundo sol chegar/Para realinhar as órbitas dos planetas/Derrubando com assombro exemplar/O que os astrônomos diriam/Se tratar de um outro cometa// Quando o segundo sol chegar/Para realinhar as órbitas dos planetas/Derrubando com assombro exemplar/O que os astrônomos diriam/Se tratar de um outro cometa//Não digo que não me surpreendi/Antes que eu visse você disse/E eu não pude acreditar /Mas você pode ter certeza//De que seu telefone irá tocar/Em sua nova casa/Que abriga agora a trilha/Incluída nessa minha conversão//Eu só queria te contar/Que eu fui lá fora/E vi dois sóis num dia/E a vida que ardia sem explicação//Quando o segundo sol chegar/Para realinhar as órbitas dos planetas /Derrubando com assombro exemplar/ O que os astrônomos diriam/Se tratar de um outro cometa/Não digo que não me surpreendi/Antes que eu visse, você disse/E eu não pude acreditar/Mas você pode ter certeza/De que seu telefone irá tocar/Em sua nova casa/Que abriga agora a trilha/ Incluída nessa minha conversão//Eu só queria te contar/Que eu fui lá fora/E vi dois sóis num dia/E a vida que ardia sem explicação// Seu telefone irá tocar/Em sua nova casa/Que abriga agora a trilha/Incluída nessa minha conversão/Eu só queria te contar/Que eu fui lá fora/E vi dois sóis num dia/E a vida que ardia sem explicação// Explicação, não tem explicação/Explicação, não/Não tem explicação/Explicação, não tem/Não tem explicação/Explicação, não tem/Explicação, não tem/Não tem


Em “Seu Olhar”,  Seu Jorge fala de um olhar mágico que lhe deu sossego e paz ( a onda zen ) quando vivia problemas ( a onda pesada )  “ Depois da onda pesada a onda zen “ ; tem tudo que ver com o fato evidenciado aqui.

Seu Olhar
Seu Jorge

Temos rotas a seguir/Podemos ir daqui pro mundo/Mas quero ficar porque/Quero mergulhar mais fundo/Só de me encontrar no seu olhar/Já muda tudo/Posso respirar você/E posso te enxergar no escuro//Tem muito tempo na estrada/Muito tem/E como quem não quer nada
/Você vem/Depois da onda pesada/A onda zen/É namorar na almofada/E dormir bem/Foi o seu olhar/O que me encantou/Quero um pouco mais/Desse seu amor


Fazendo sampler com a música “ Fé cega , Faca amolada “ ( Milton Nascimento / Ronaldo Bastos ) , Gabriel o Pensador fala na música "Brilho Cego " do que encontrou no "fundo do poço" : um “sorriso” lhe chamando , e o relaciona a um belo horizonte. Certamente que facilmente se advinha de quem o Gabriel está a falar. E nestes momentos mais críticos é que sua aparição pode se fazer real para certas pessoas.

E o que é esse tal de fundo do poço ?
É um termo que se refere a “fracasso, a desilusão e a total falência no campo pessoal e financeiro, mas, como acredito que tudo tem dois modos de interpretação optei por começar a interpretar qualquer situação de modo otimista e positivo. Fundo do poço, na linguagem popular indica o final de algo que não deu certo, indica que os problemas vieram todos de uma vez e abriram um buraco sob seus pés, indica que não existe mais solução e que você chegou ao lugar mais escuro e desesperador que um ser-humano pode chegar, o fundo do poço é a frase que todos que fracassaram e estão atolados em dividas usam para definir seu estado.”


Brilho Cego
Gabriel O Pensador

Luz brilhar pra mim é bom sinal/Luz brilhar pra mim é natural/Luz brilhar pra mim é bom sinal/Feito o brilho dos seus olhos que eu olho não tem igual/Feito o sol e feito a lua pelo sol iluminada/A luz que lá de cima ilumina a minha estrada/E com a luz que é emprestada pelo sol e pela lua/Eu continuo a caminhada e a caminhada continua//Deixa a luz brilhar, fica tranquila/Deixa a lua cheia se enxaguar na sua pupila/Enxuga as lágrimas e o suor da testa/É que daqui a pouco chega o sol fazendo festa/Agora eu não pergunto mais aonde vai a estrada/Agora eu não espero mais aquela madrugada/Vai ser, vai ser, vai ter que ser, vai ser faca amolada/Um brilho cego de paixão e fé, faca amolada/Deixa a luz brilhar/Deixa o amor crescer//Gosto de você assim/É desse jeito/Como eu gosto de você do jeito que você é
Como você é/E você diz no meu ouvido que duvida do que eu digo/Quando eu digo como eu gosto de você assim/Você duvida/Duvida não, da vida!/E nem duvida de mim/Que eu fui ao/fundo do poço pra ver que o poço tem fim/Eu fui ao fundo do poço e foi do fundo que eu vim/E vi que o poço no fundo nem é tão fundo assim/Eu fiz do poço uma fonte/Eu fiz da água uma ponte/Eu fiz um túnel pra poder atravessar o monte/Eu vi um belo horizonte me esperando/Você na minha frente e o teu sorriso me chamando/Deixar a sua luz brilhar e ser muito tranquilo/Deixar o seu amor crescer e ser muito tranqüilo/Brilhar, brilhar, acontecer, brilhar, faca amolada/Irmão, irmã, irmão, irmã de fé, faca amolada/Deixa a luz brilhar/(no teu sorriso)/Deixa o amor crescer/(e ser tranquilo)//Deixar a sua luz brilhar no pão de todo dia/Plantar o trigo e refazer o pão/Deixar o seu amor crescer na luz de cada dia/Beber o vinho e renascer na luzVai ser, vai ser, vai ter que ser, vai ser faca amolada/A fé, a fé, paixão e fé, a fé/Vai ser, vai ser, vai ter que ser, vai ser faca amolada/O chão, o chão, o sal da terra, o chão/Vai ser, vai ser, vai ter que ser, vai ser faca amolada/O brilho, o brilho de paixão e fé/Vai ser, vai ser,/vai ter que ser, vai ser faca amolada/O brilho, o brilho de paixão e fé


No link abaixo você tem o disco “Sem Crise “ do Gabriel , onde esta música está inserida. Repare ainda que na música seguinte a “ Brilho Cego “ ele fala que “não é o dono do mundo mas é um filho do dono ; do verdadeiro patrão; do verdadeiro patrono... “  De quem será que ele fala ? Veja nos minutos 15:10 a música "Linhas Tortas"


A música seguinte é bastante sugestiva em relação ao que aqui explanamos. Reflita na mensagem e conclua.

Tributo ao Sorriso
Roupa Nova

Já rocei/A orla da luz/Então me transformei/ A força vital/Meu desejo eu alcanço/Atrás da existência/Contemplei e bradei/De dentro, então/Glória ao sorriso/Vitória ao semblante/ Que no instante sentia/Com o grupo Roupa Nova se encontra aqui num medley a partir do minuto 4:19
Aqui com o grupo “ O Terço “:

Aqui, ao vivo com “ O Terço “ e participação de Flávio Venturini.

Veja como Zé Rodrix se refere alguém de suma importância em sua vida: “
“...você é o meu Exército da Salvação/Meu guarda-chuva/O melhoral pra essa dor de cabeça, /minha estrada pro paraíso/Meu salva-vidas/O meu juízo final, minha ressurreição...”
Quem poderia então ser ? ! É um vestígio da Luz...

Exército da Salvação
Zé Rodrix

Eu me perdi muito tempo/Dizendo bobagem, fazendo bobagem também/Eu gritava tão alto e não pintava ninguém, ninguém/Mas como toda laranja cortada no meio é feita de duas metades
Eu tinha certeza que um dia eu ia encontrar alguém/Enquanto isso eu fumava e bebia e quebrava a cabeça/Batendo a cabeça nos muros/Eu deixei tanto furo que já nem dá pra entender, não, não, não/Mas você veio de longe, pisando mansinho, dizendo umas poucas verdades/Que eu hoje em dia só tenho olhos pra você/E você é o meu Exército da Salvação
Meu guarda-chuva/O Melhoral pra essa dor de cabeça/ minha estrada pro paraíso/Meu salva-vidas/O meu juízo final, minha ressurreição/meu exército da salvação

Agora imagine o que seja “colher  o sal” ; ora , sal não se colhe, muito menos no campo, mas na salina, onde o termo colher não é o mais apropriado para o caso. Jesus fala que é o “Sal da Terra”. Nessa expressão o Zé Rodrix pode estar querendo significar o que pode colher em Jesus pelo acontecimento que com ele já se deu ; o encontro.

Casa no Campo
Zé Rodrix
 
Eu quero uma casa no campo/Onde eu possa compor muitos rocks rurais/E tenha somente a certeza/Dos amigos do peito e nada mais//Eu quero uma casa no campo/Onde eu possa ficar do tamanho da paz/E tenha somente a certeza/Dos limites do corpo e nada mais//Eu quero carneiros e cabras pastando/Solenes no meu jardim/Eu quero o silêncio das línguas cansadas//Eu quero a esperança de óculos/E um filho de cuca legal/Eu quero plantar e colher com a mão,/A pimenta e o sal//Eu quero uma casa no campo/Do tamanho ideal, pau a pique e sapê/Onde eu possa plantar meus amigos/Meus discos e livros e nada mais

Nenhum comentário:

Postar um comentário